4 eventos ao vivo
Logo do Copa do Brasil
Foto: terra

Copa do Brasil

Flamengo x Corinthians: Sete motivos para acreditar na virada do time alvinegro

Equipes se enfrentam nesta terça-feira, às 21h30, no Maracanã, no jogo de volta das oitavas de final da Copa do Brasil

4 jun 2019
11h13
atualizado às 11h13
  • separator
  • 0
  • comentários

O Corinthians visita o Flamengo nesta terça-feira, às 21h30, no Maracanã, no jogo de volta das oitavas de final da Copa do Brasil. O time alvinegro perdeu a primeira partida por 1 a 0 em casa e precisa da vitória por dois gols de diferença para garantir a vaga do tempo regulamentar.

O Estado separou sete motivos para demonstrar que, apesar de difícil, a classificação para a próxima fase da competição da equipe paulista não é impossível.

1. Retrospecto postivo de Carille em mata-mata

O técnico Fábio Carille tem ótimo retrospecto em mata-mata. De 23 confrontos, ele garantiu a classificação em 21. As duas únicas eliminações, ambas em 2017, aconteceram sem derrotas. Na quarta fase da Copa do Brasil, contra o Internacional, caiu nos pênaltis após dois empates por 1 a 1. Depois, contra o Racing, nas oitavas de final da Copa Sul-Americana, caiu por causa do gol fora de casa - empatou em Itaquera por 1 a 1 e depois ficou no 0 a 0 na Argentina.

2. Organização x desorganização

O Corinthians é um time organizado em campo, com duas linhas defensivas formada por quatro jogadores, de obediência tática, e contra-ataque rápido. É um time que não precisa ficar muito com a bola para sair de campo com a vitória. Do outro lado o Flamengo tem oscilado muito e ainda não encontrou um sistema de jogo que agrade as principais estrelas do elenco. Nesta quarta-feira será comandado pelo interino Marcelo Salles. O substituto, o português Jorge Jesus, deve chegar por volta do dia 20 - será o sexto técnico da equipe em um ano e meio.

3. Histórico positivo na Copa do Brasil

O Corinthians eliminou o Flamengo na semifinal do torneio no ano passado. Depois de empatar sem gols na partida de ida, no Maracanã, venceu a volta em Itaquera por 2 a e garantiu um lugar na decisão com o Cruzeiro.

4. Pressão da torcida em cima do adversário

Até segunda-feira 50 mil ingressos haviam sido vendidos para o jogo no Maracanã. O torcedor rubro-negro está esperançoso com a classificação, mas a paciência com o time que tem patinado nos últimos anos está no limite. Recentemente, a torcida protestou contra a diretoria e alguns jogadores e pichou os muros do CT. A pressão culminou na demissão de Abel Braga. Desde 2013, quando faturou a Copa do Brasil, que o clube não ergue um troféu nacional.

5. Sequência invicta

O Corinthians vem de quatro vitórias consecutivas e em todas elas não sofreu gols. Desde o tropeço diante do Flamengo na Copa do Brasil, o time garantiu vaga às oitavas de final da Copa Sul-Americana ao vencer por duas vezes o Deportivo Lara por 2 a 0. Também derrotou o Athletico-PR (2 a 0), fora de casa, e o São Paulo (1 a 0), em Itaquera, ambos os jogos pelo Campeonato Brasileiro.

6. Time mais descansado

Enquanto o Flamengo precisou jogar pelo Brasileirão no final de semana (venceu o Fortaleza por 2 a 0), o Corinthians folgou na tabela. O time teve o jogo contra o Goiás adiado porque havia jogado na quinta-feira pela Sul-Americana. Carille teve o sábado, o domingo e a segunda-feira para recuperar os jogadores.

7. Vagner Love contra o Flamengo no Maracanã

Na única vez que o centroavante enfrentou o Flamengo, seu time do coração, o Corinthians venceu por 3 a 0 no Maracanã, em 2015. A partida aconteceu pelo primeiro turno do Campeonato Brasileiro e contou também com as presenças de Cássio, Fagner e Jadson, que estão no atual elenco - o lateral-direito não joga nesta quarta-feira por estar machucado. A vitória veio com gols de Elias, Uendel e Jadson.

Estadão
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade