2 eventos ao vivo

Organizador da abertura das Confederações desabafa: "Copa nunca mais"

15 jun 2013
16h04
atualizado em 17/6/2013 às 11h44
  • separator
  • comentários

Convidado para trabalhar na Cerimônia de Abertura da Copa das Confederações, que aconteceu neste sábado em Brasília, antes do duelo entre Brasil e Japão, no Mané Garrincha, o carnavalesco Paulo Barros lamentou o pouco tempo hábil para preparar a apresentação em postagem feita em sua página no Facebook. "Viva o Carnaval!!! Copas, Olimpíadas, eventos, shows... Nunca mais!", desabafou.

CORREÇÃO: Organizador da abertura das Confederações desabafa: "Copa nunca mais"

A cerimônia começou por volta das 14h30, e durou cerca de 20 minutos. Com inúmeros dançarinos que representaram os oito países que disputam a edição de 2013 da Copa das Confederações, a festa não teve os tons mágicos que, normalmente, norteiam os desfiles comandados por Paulo Barros. O evento contou com 2.200 voluntários.

O ápice da abertura foi quando um campo, com voluntários vestidos de plantas, foi montado e uma partida de futebol simulada com bonecos. Por fim, a cerimônia foi fechada com uma enorme bandeira do símbolo da Copa das Confederações, aberta no campo.

Veja o desabafo completo de Paulo Barros:

"Quando recebi o convite do banco de eventos para participar da abertura da Copa das Confederações, fiquei bastante aflito. Seria minha primeira experiência em um evento que não 'anda'. Pode parecer loucura... produzir uma festa em um campo de futebol, sem poder usar qualquer elemento de agredisse o campo, entrar e sair por acessos limitados.

Quando crio carros alegóricos, tenho tempo suficiente para treinar e fazer com que seus componentes aprendam por repetição toda a coreografia programada pelos coreógrafos.

Na Copa o tempo é limitado. A preocupação com a perfeição foi uma grande dor de cabeça. A disponibilidade do voluntariado é diferente da paixão do carnaval. É muito difícil para minha alma trabalhar com a possibilidade de erros. Não suporto erros!

Agradeço a todos os voluntários, aos meus coreógrafos Sandryni e Roberta, Renata Vieitas e toda a equipe do banco de eventos, a Fifa e a meus amigos. Foi bom como aprendizado, como amadurecimento. Só que não quero mais não... quero meu carnaval!"

<a data-cke-saved-href="http://esportes.terra.com.br/infograficos/monte-selecao-copa-confederacoes/iframe.htm" href="http://esportes.terra.com.br/infograficos/monte-selecao-copa-confederacoes/iframe.htm">veja o infográfico</a>

 

Fonte: Lancepress! Lancepress!
  • separator
  • comentários
publicidade