2 eventos ao vivo

Espanha vai à Copa com gols 'brasileiros' e Piqué vaiado

6 out 2017
17h42
atualizado às 17h54
  • separator
  • comentários

Na penúltima rodada das Eliminatórias para a Copa do Mundo de 2018, o Grupo G foi definido. A Espanha venceu fácil a seleção da Albânia por 3 a 0 e, com 25 pontos, garantiu vaga direta para o Mundial. A Itália, por sua vez, empatou com a Macedônia em 1 a 1 e não consegue mais alcançar a Fúria. Assim, termina na segunda colocação e disputará a repescagem. Em duelo de eliminados ainda, Israel venceu fora de casa por 1 a 0 a seleção de Liechtenstein, que não conseguiu nenhuma vitória na competição.

Foto: Reuters

Espanha x Albânia

Como era de se esperar, a Espanha começou dominando o jogo. Em meio a um estádio dividido entre aplausos e vaias ao zagueiro Piqué, a Fúria, com passes rápidos e maior posse de bola, pressionou os adversários até que chegou ao gol aos 16 minutos. Isco tocou na medida para Rodrigo que chutou no canto esquerdo, sem chances para o goleiro Berisha. Esse foi o primeiro gol do brasileiro naturalizado espanhol pela sua seleção.

Com o placar aberto, a Espanha não deu espaços para a Albânia. Aos 24 minutos, Koke deu grande assistência para Isco e, de primeira, o jogador do Real Madrid estufou a rede: 2 a 0.

Foto: Reuters

A equipe visitante conseguiu levar perigo aos 26 minutos, mas a bola cabeceada por Azdren Llullaku bateu no travessão. Apenas um minuto depois, Alvaro Odriozola cruzou na área e Thiago Alcântara, filho de brasileiro, subiu mais alto para cabecear e marcar o terceiro gol da Espanha.

Na volta do intervalo, o cenário seguiu o mesmo, com a Espanha tendo o controle do jogo. Aos oito minutos da segunda etapa, Koke cabeceou à meia altura no centro do gol para bela defesa do goleiro.

Foto: Reuters

Com o desenrolar da partida, a Albânia chegou a melhorar o seu desempenho e viu sua posse de bola aumentar, mas não conseguiu converter o bom momento em gols. A Espanha então administrou o resultado e conquistou, diante de sua torcida, a vitória e a vaga para a Copa.

Na última rodada, a Espanha já classificada enfrenta Israel fora de casa, na segunda-feira, às 15h45 (horário de Brasília).

Foto: Reuters

Itália x Macedônia

Contra a eliminada Macedônia, a Itália não teve vida tão fácil quanto a Espanha. Chegou a abrir o placar, mas deixou a Macedônia empatar no fim do segundo tempo e não tem mais chances de se classificar direto para a Copa.

O primeiro tempo foi bem equilibrado, com ambas as seleções criando chances de gol. A equipe da casa teve seu primeiro grande lance aos oito minutos quando Lorenzo Insigne recebeu bola rasteira na área e chutou no meio do gol, para defesa do goleiro Stole Dimitrievski .

Depois de muito insistir, a Itália só consegui abrir o placar aos 37 minutos. Ciro Immobile acionou Chiellini na pequena área e o zagueiro só mandou para o fundo das redes: 1 a 0.

Foto: Reuters

Na segunda etapa, o equilíbrio do início do jogo continuou, mas aos poucos, a Macedônia melhorou seu desempenho e passou a levar perigo à meta adversária. Aos 27 minutos, o time visitante Ilija Nestorovski mandou cabeceio baixo no centro do gol para boa defesa de Buffon.

Cinco minutos depois, Pandev fez um passe longo para Aleksandar Trajkovski, que cortou para dentro e mandou um chutaço no lado esquerdo da meta. O goleiro não teve a menor chance e a Macedônia chegou ao empate.

Na sequência, o ritmo do jogo diminuiu e nenhuma das duas seleções ameaçou a meta adversária, terminando empatadas em 1 a 1.

Na última rodada, a Itália visita a Albânia, na segunda-feira, às 15h45 (horário de Brasília).

Gazeta Esportiva Gazeta Esportiva

compartilhe

comente

  • comentários
publicidade
publicidade