PUBLICIDADE

Carrasco do Brasil, Ghiggia é convidado pela Fifa para sorteio da Copa

23 ago 2013
12h31 atualizado às 15h30
0comentários
12h31 atualizado às 15h30
Publicidade

O ex-jogador uruguaio Alcides Edgardo Ghiggia, de 87 anos e autor do gol que deu ao Uruguai a Copa do Mundo de 1950 no chamado "Maracanazo", foi convidado pela Fifa para estar presente em dezembro no sorteio de grupos para a Copa do Brasil de 2014.

Ex-jogador uruguaio fez o Brasil chorar em 1950
Ex-jogador uruguaio fez o Brasil chorar em 1950
Foto: AFP

"Foi lindo receber o convite. Gostei disto da Fifa. Vamos fazer tudo para poder ir. Vão voltar a me ligar", afirmou Ghiggia.

O ex-jogador, que mora na cidade de Las Piedras, a cerca de 20 quilômetros de Montevidéu, sofreu um grave acidente no dia 13 de junho do ano passado quando o automóvel que dirigia colidiu com um caminhão ao atravessar uma rodovia nacional.

Ghiggia sofreu fraturas no quadril, joelho e tornozelo e esteve um mês em coma na unidade de terapia intensiva de um hospital de Montevidéu. O ex-atacante demorou vários meses para voltar a caminhar.

"A recuperação foi longa e ainda me canso, mas estou muito melhor", afirmou Ghiggia em declarações à imprensa local. "Ainda não decidi se aceitarei o convite, tenho dúvidas porque estou melhor, mas continua usando bengala", acrescentou.

Em qualquer caso, o uruguaio disse: "faltam quatro meses pela frente e vou fazer todo o possível para estar lá".

Ghiggia é um dos principais ídolos esportivos dos uruguaios. Foi ele o autor do segundo gol na vitória por 2 a 1 do Uruguai contra o Brasil na final da Copa do Mundo de 1950.

O sorteio de grupos da Copa do Mundo do Brasil 2014 acontece em 6 de dezembro na cidade de Salvador.

EFE   
Publicidade
Publicidade