PUBLICIDADE

Auxiliar técnico da África do Sul morre em acidente de carro

19 out 2012 14h17
| atualizado às 19h53
Publicidade

O auxiliar técnico da África do Sul, Thomas Madigage, 40 anos, morreu na última quinta-feira em virtude de um acidente de carro próximo a cidade de Burgersfort, em Limpopo. A trágica morte deixou em choque a comunidade do futebol local e mundial, com lamentações de jogadores e políticos através de redes sociais e depoimentos à imprensa.

» Qual estádio em construção ou reforma será o mais bonito? Vote
» Tatu, gaucho e cachorrinho; veja evolução dos mascotes das Copas

De acordo com o jornal britânico The Sun, Madigage, que estava sozinho no carro que dirigia, bateu em um animal que atravessava a pista entre 22h e 00h (horários locais) da última quinta. O auxiliar técnico da seleção sul-africana foi declarado morto ainda no local do acidente.

Logo após a divulgação da morte, jogadores da África do Sul, como Dean Furman, Shaun Bartlett e Mark Fish, usaram o Twitter para desabafar, pedindo orações à família, além de mostrarem-se "chocados" e "devastados".

Já o presidente da África do Sul Jacon Zuma afirmou que a morte do auxiliar técnico, contratado em julho para a seleção do país, é uma perda para toda a nação. Zuma ainda lembrou as habilidades de Madigage em campo antes de encerrar a carreira como atleta: "tinha velocidade e agilidade, assim como habilidade para chutar de longa distância".

O presidente da Fifa, Joseph Blatter, por sua vez, escreveu lamentações para a Federação Sul-Africana de Futebol, dizendo ter recebido a notícia da trágica morte com muita tristeza. Blatter ainda desejou condolências para o time nacional, para o clube SuperSport United, além de familiares e amigos de Madigage.

Na carreira, Thomas Madigage atuou por diversos clubes como jogador entre 1992 e 2003, até se aposentar, incluindo passagens pelo FC Zurich, da Suíça. Como auxiliar técnico, estava desde 2004 no SuperSport United, clube no qual conseguiu grandes títulos até se juntar à seleção nacional.

Treinador da África do Sul, Gordon Igesund (esq) estava visivelmente abatido em funeral nesta sexta
Treinador da África do Sul, Gordon Igesund (esq) estava visivelmente abatido em funeral nesta sexta
Foto: Getty Images
Fonte: Terra
Publicidade