1 evento ao vivo

Com passes de Seedorf, Botafogo vence o Vitória e volta à liderança

1 ago 2013
21h58
atualizado às 22h01

O Botafogo voltou à liderança do Campeonato Brasileiro ao vencer o Vitória, sem dificuldades, por 2 a 0, gols de Vitinho e Elias, no Maracanã. O jogo marcou a volta do Glorioso como mandante ao Templo do Futebol.

Seedorf foi o destaque da partida, dando assistências para os dois gols. O resultado foi justo, já que o Botafogo mandou no jogo, não dando espaço para o Vitória, que nem de longe parecia o time que fez bonito nas primeiras rodadas do Brasileirão.

Na próxima rodada, o Botafogo enfrenta o Vasco, às 18h30, também no Maracanã. Já o Vitória encara a Portuguesa, no mesmo horário e dia, no Barradão.

VITÓRIA FECHA, MAS BOTAFOGO ENCONTRA ESPAÇO

Com o Vitória muito fechado no início da partida, o Botafogo sofreu para criar oportunidades de gol no primeiro tempo. Depois de muitos ligamentos da defesa para o ataque, sem sucesso, o Glorioso resolveu colocar a bola no chão, aumentando a posse de bola. Enquanto Rafael Marques buscava movimentação no ataque, Seedorf e Vitinho chamavam a responsabilidade no meio, o que foi suficiente para destruir o sólido esquema de defesa do time baiano. O gol alvinegro, aliás, saiu numa excelente troca de passes entre Lodeiro, Gabriel, Seedorf e Vitinho, que só teve o trabalho de empurrar para o fundo do barbante.

O Rubro-Negro, por outro lado, procurou apenas se defender, saindo no contra-ataque. O artilheiro do Brasileirão, Maxi Biancucchi, dessa vez, nem sentiu o cheiro da bola. Marcado de perto por Bolívar e Dória, o goleador não assustou o goleiro Jefferson, que só foi acionado num chute de Dinei.

Ao fim do primeiro tempo, um fato curioso chamou atenção. Autor do gol do Botafogo, Vitinho foi procurado por jornalistas no caminho para o vestiário, mas Seedorf, surpreendentemente, não deixou que o companheiro concedesse entrevista. O craque se justificou dizendo "Agora não". Em perfeita sintonia, os jogadores se cumprimentaram no túnel.

BOTA ADMINISTRA VANTAGEM E MATA O JOGO COM INTELIGÊNCIA

Apesar da vantagem no placar, o Botafogo voltou em busca de mais um gol logo no início do segundo tempo. Com bons passes, o time se apresentou melhor do que na primeira etapa, criando mais oportunidades. Cheios de gás, Vitinho e Gilberto infernizaram a defesa rubro-negra na volta do segundo tempo.

Preocupado com a baixa produtividade do ataque baiano, Caio Junior tentou mudar o panorama da partida ao colocar os meias Vander e Camacho, este último ex-Botafogo. Novamente na base do contra-ataque, o Vitória passou a incomodar um pouco mais a partir da metade do segundo tempo, mas longe de ser algo suficiente.

Com o passar dos minutos, o Botafogo deixou a correria de lado e jogou com mais inteligência. E, claro, o estilo de jogo mais cadenciado ajudou a mostrar o futebol de Seedorf. Mais uma vez decisivo, o craque deu belo passe para Elias matar o jogo.

Ao fim da partida, os jogadores do Botafogo agradeceram o apoio da torcida. Liderança de volta e sintonia com os botafoguenses.

FICHA TÉCNICA

BOTAFOGO 1 X 0 VITÓRIA

Local: Maracanã, Rio de Janeiro (RJ)

Data/hora: 1/8/2013 – 19h30 (de Brasília)

Árbitro: Flávio Rodrigues Guerra (SP)

Auxiliares: Fabiano da Silva Ramires (ES) e Cleriston Clay Barreto Rios (ES)

Renda e público:

GOLS: Vitinho, aos 31'/1ºT (1-0) e Elias, aos 341/2°T (2-0)

Cartões amarelos: Rafael Marques (BOT); Tarracha (VIT)

BOTAFOGO: Jefferson, Gilberto, Bolívar, Dória e Julio Cesar; Marcelo Mattos, Gabriel, Lodeiro, Seedorf (Gegê, aos 41'/2°T) e Vitinho (Elias, aos 27'/2°T); Rafael Marques - Técnico: Oswaldo de Oliveira.

VITÓRIA: Wilson, Daniel Borges, Gabriel, Fabrício e Tarracha (Camacho, aos 16'/2°T); Michel, Cáceres, Renato Cajá (Vander, aos 23'/2°T) e Escudero; Maxi Biancucchi (Neilson, aos 381/2°T) e Dinei – Técnico: Caio Junior.

Fonte: Lancepress! Lancepress!
publicidade