PUBLICIDADE

Clube da Premier League vai educar jogadores contra injúria racial após polêmica

Decisão de clube que disputa o Campeonato Inglês partiu após declaração infeliz de seu jogador uruguaio sobre companheiro sul-coreano

20 jun 2024 - 15h39
Compartilhar
Exibir comentários
Son celebra gol pelo Tottenham em partida da Premier League –
Son celebra gol pelo Tottenham em partida da Premier League –
Foto: Isabel Infantes/AFP via Getty Images / Jogada10

O Tottenham, que disputa a Premier League, comunicou que passará a adotar medidas para educar seus jogadores contra injúria racial. Os Spurs tomaram a decisão após declaração polêmica do meio-campista Rodrigo Bentancur. O volante uruguaio fez uma afirmação infeliz envolvendo Heung-min Son, seu companheiro no elenco.

Assim, o clube inglês decidiu se posicionar sobre o problema e encerrar qualquer repercussão negativa. Afinal, a sua imagem está ligada aos seus jogadores.

"Após comentário de Rodrigo Bentancur em videoclipe de entrevista e posterior pedido público de desculpas do jogador, o clube tem auxiliado para garantir um desfecho positivo sobre o assunto. Isto incluirá educação adicional para todos os intervenientes, em linha com os nossos objetivos de diversidade, igualdade e inclusão", detalhou o integrante da Premier League.

Son celebra gol pelo Tottenham em partida da Premier League - Foto: Isabel Infantes/AFP via Getty Images

"Apoiamos totalmente que nosso capitão Sonny sinta que pode traçar um limite para o incidente e que a equipe pode se concentrar na nova temporada que está por vir. Estamos extremamente orgulhosos de nossa base de fãs diversificada e global e de nossos times de jogo. A discriminação de qualquer tipo não tem lugar no nosso clube, no nosso jogo ou na sociedade em geral", acrescentou.

Entenda a polêmica envolvendo o clube da Premier League

O meio-campista Rodrigo Bentancur participou de uma entrevista para a emissora de televisão uruguaia "Por la camiseta". Tal situação ocorreu durante a preparação da seleção celeste para a disputa da Copa América. O jogador recebeu o apresentador Rafa Cotelo, que pediu a camisa de um jogador do Tottenham.

"A (camisa) do Sonny? Poderia ser do primo do Sonny também, pois todos são parecidos", declarou Bentancur.

Rodrigo Bentancur, do Tottenham, em entrevista para a emissora "Por La Camiseta" - Foto: Reprodução / Redes Sociais

Posteriormente, com a repercussão negativa, o volante uruguaio postou um pedido de desculpas ao atacante sul-coreano, na última sexta-feira (14). Son é um ídolo nacional na Coreia do Sul e leva milhares de conterrâneos aos jogos do Tottenham em Londres durante a temporada da Premier League.

Siga o Jogada10 nas redes sociais: TwitterInstagram e Facebook .

Jogada10
Compartilhar
Publicidade
Seu Terra












Publicidade