0
Logo do Brasileiro Série B
Foto: terra

Brasileiro Série B

Clássico goiano termina em pancadaria na geral do Serra Dourada

24 jun 2017
19h21
atualizado às 19h31
  • separator
  • comentários

O clássico entre Goiás e Vila Nova, disputado na tarde deste sábado, terminou em pancadaria entre torcedores organizados na geral do Estádio Serra Dourada. A confusão começou após o apito final do árbitro baiano Jailson Freitas, que decretou a vitória do Tigrão por 2 a 0, em duelo válido pela décima rodada do Campeonato Brasileiro Série B.

Em menor número na geral, esmeraldinos foram atingidos por pedaços de madeira e outros objetos atirados por torcedores do Vila Nova, que estavam em um anel superior.

Instantes depois, as duas torcidas se encontraram para trocarem socos e chutes na geral. Um esmeraldino foi espancado por dezenas de colorados com pontapés enquanto estava caído no chão. Após a intervenção policial, ele saiu andando com ferimentos leves.

Crianças que faziam companhia a seus pais se assustaram com a briga, mas receberam proteção policial. Os jogadores do Vila Nova, após agradecerem o apoio, suplicaram aos torcedores para que parassem o confronto.

A Polícia Militar do estado de Goiás manteve a torcida colorada na arquibancada, enquanto escoltou a saída dos esmeraldinos, que estavam em maior número do estádio.

"É triste ver essa cena, porque foi uma grande tarde, um grande jogo. Sobre o jogo, viemos com o proposito de marcar mais em cima, diferente do que a gente estava fazendo. Isso foi um diferencial. Estou feliz pela vitória. Falaram que o jogo estava ganho, mas aqui tem um time de homens", afirmou o volante do Vila Nova, Geovane, ao canal Premiere.

Gazeta Esportiva Gazeta Esportiva
  • separator
  • comentários
publicidade