3 eventos ao vivo

Chelsea empata com Manchester United no último lance de jogo

20 out 2018
10h33
atualizado às 11h12
  • separator
  • 0
  • comentários

A nona rodada do Campeonato Inglês não poderia ter início melhor. Neste sábado, Chelsea e Manchester United foram ao gramado do Stamford Bridge para a disputa de um dos maiores clássicos da Inglaterra. Os Diabos Vermelhos pensaram em sair com a vitória, mas os Blues empataram no último lance, selando o 2 a 2. Os gols foram marcados por Rudiger e Barkley, para os donos da casa, além de Martial (duas vezes) em favor dos visitantes.

Com o resultado, o Chelsea de Maurizio Sarri chegou aos 21 pontos, um à frente da marca do Manchester City, ficando na liderança provisória. Por sua vez, os Red Devils chegaram perto de conquistar a segunda vitória consecutiva pela competição, mas ficaram com 15 pontos na tabela de classificação, em campanha de quatro vitórias, dois empates e três derrotas.

Na próxima rodada, os Blues vão ao Turf Moor para encarar o Burnley, no dia 28 deste mês, às 10h30 (horário de Brasília). Já o Manchester United tentará engatar uma boa fase na disputa contra o Everton, no Old Trafford, às 13h00 do mesmo dia.

O jogo - O clássico inglês começou de maneira truncada. Enquanto o Chelsea tinha maior movimentação ofensiva, mas esbarrava na falta de pontaria, o United mostrou-se nervoso: logo aos 12 minutos, o volante sérvio Matic recebeu cartão amarelo por falta em Hazard.

Aos 20, o panorama do confronto mudou. Em cobrança de escanteio, o brasileiro Willian colocou a bola na cabeça do defensor Rudiger, que testou firme para o fundo das redes: 1 a 0.

Diante o gol, a partida estagnou. O Chelsea passou a preservar mais a posse de bola, administrando a vantagem, enquanto os Red Devils tinham como obstáculo a própria ineficiência ofensiva. No segundo tempo, porém, isso mudou.

Logo aos nove minutos da etapa final, Mata finalizou ao gol e o arqueiro Kepa fez belíssima defesa. Na segunda bola, Martial não desperdiçou a chance e empatou o clássico.

O gol deu ânimo aos comandados de José Mourinho, enquanto o time de Maurizio Sarri não tratava o cenário como terra arrasada. Aos 25 minutos, o francês Kanté recebeu bola na entrada da área e chutou uma bomba. De Gea fez a ponte para evitar o gol que colocaria os Blues novamente à frente.

Praticamente no lance seguinte, o United fez o 2 a 1. Juan Mata foi mais inteligente e venceu a marcação de David Luiz. O espanhol rolou para Rashford, que encontrou Martial novamente na área. O francês dominou e bateu colocado, rasteiro, sem chances para Kepa.

Após o tento, o Chelsea foi para cima. O Manchester United parecia que conseguiria dar fim ao jejum sem vitórias no Stamford Bridge, desde 2012, e impor a primeira derrota do rival no Campeonato Inglês, mas o inglês Barkley tinha outros planos.

No último lance do confronto, o zagueiro David Luiz cabeceou bola, após escanteio, na trave. Na sobra, Rudiger parou em linda defesa de De Gea, mas o meia Barkley não desperdiçou e empurrou para o fundo das redes. Após o gol, uma confusão entre a comissão técnica das duas equipes, com José Mourinho de protagonista, tomou conta do confronto. Depois dos ânimos se acalmarem, o árbitro Mike Dean decretou o final do jogo.

Gazeta Esportiva Gazeta Esportiva
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade