0

Chamusca torce por permanência de Carille na Arábia e brinca: "Quero ganhar dele"

4 dez 2018
13h01
  • separator
  • comentários

Atualmente, a principal liga saudita de futebol conta com apenas dois treinadores brasileiros: Fábio Carille e Péricles Chamusca. Entretanto, o comandante campeão brasileiro com o Corinthians em 2017 não possui sua continuidade no Al-Wehda para 2019 confirmada e pode voltar justamente ao time alvinegro que deixou nos primeiros meses do ano. Ainda assim, Chamusca torce pela permanência do companheiro.

"A gente acompanha o noticiário, mas não conversei nada com ele a respeito, não ouvi nada por aqui também. Pelo bem do futebol saudita, que é onde eu me encontro, eu torço pela permanência dele, claro. Profissionais como o Fabio fazem com que a liga seja mais qualificada, competitiva. De novo, torço para que ele fique", disse Chamusca, atualmente no Al-Faisaly.

"Imagina que bacana seria vencer o técnico campeão brasileiro por aqui? Espero que ele fique e eu possa vencê-lo quando jogarmos (risos). Claro que é brincadeira. A decisão é completamente dele, só ele sabe o que é melhor para a sua carreira, então eu só posso desejar que tome uma boa decisão e seja muito feliz", brincou o comandante.

Contratado no meio do mês de outubro, Chamusca segue invicto no comando do Al-Faisaly, com duas vitórias e três empates em cinco jogos. Antes disso, o time vinha de uma sequência de cinco jogos consecutivos com derrotas. Para o treinador, a consistência defensiva foi a grande chave para o bom momento.

"Tivemos um bom início por aqui, conseguimos findar uma sequência de derrotas que a equipe vinha enfrentando, hoje temos um sistema defensivo mais sólido, está muito mais difícil nos bater. Estou feliz com o que a gente vem apresentando até agora, tenho certeza de que aos poucos vamos conseguir começar a almejar voos maiores no campeonato", concluiu Chamusca.

Gazeta Esportiva Gazeta Esportiva

compartilhe

comente

  • comentários
publicidade