0

Zé Ricardo lamenta tragédias e foca em regularidade do Botafogo

11 fev 2019
20h21
  • separator
  • 0
  • comentários

O elenco do Botafogo segue com os treinos e, nesta segunda-feira, Zé Ricardo concedeu entrevista coletiva. O comandante iniciou lamentando as recentes tragédias no Brasil.

"Não imaginava que começaria a coletiva com esse assunto. Primeiros dias de 2019 têm sido difíceis para o Brasil. Primeiro Brumadinho, depois a tragédia no Rio de Janeiro, depois o Ninho do Urubu, hoje a perda de um grande jornalista como o Ricardo Boechat. Gostaria que a gente pudesse falar só de futebol, mas nesse momento, eu, que trabalhei tanto com categoria de base, sempre tive muita facilidade para falar. E também para escrever algumas coisas, mas nesse momento tenho poucas palavras. Só muita dor e muita tristeza com tantas perdas", disse.

Dentro de campo, os alvinegros se preparam para a estreia na Copa do Brasil, contra o Campinense, na Paraíba. Zé Ricardo afirmou que espera um confronto difícil para os cariocas.

"Acredito que será uma partida muito tensa, mas o Botafogo tem o aprendizado do ano passado, mas são situações diferentes. Se aproveitarmos bem as oportunidades, poderemos conseguir a classificação", declarou.

O comandante ressaltou que o momento é do Botafogo conseguir se tornar mais regular. Após a eliminação na Taça Guanabara, os alvinegros conquistaram duas vitórias seguidas, o que deu tranquilidade ao elenco.

"Estamos em busca de regularidade, identidade e de uma forma de jogar. Em algumas derrotas, alguma coisa apareceu, mas resultados não vieram, e a pressão era muito grande. Não são essas duas vitórias que vão tirar a gente da nossa concentração e sabedoria. Precisamos continuar evoluindo. Temos um adversário difícil, que venceu o seu dérbi dentro de casa, é líder da sua chave no Campeonato Paraibano. Certamente vai trazer muita torcida, e o Botafogo precisa estar muito forte e entender esse jogo", finalizou.

Gazeta Esportiva Gazeta Esportiva
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade