PUBLICIDADE

Torcedor se explica após jogar camisa do São Paulo no campo: "Ato espontâneo"

22 jun 2022 11h51
ver comentários
Publicidade

A derrota são-paulina de virada contra o Palmeiras no último momento, na segunda-feira, causou bastante revolta a um dos milhares de fãs presentes no Estádio do Morumbi. Em um momento de fúria de torcedor, MC Rodriguinho do Marapé, retratado na transmissão do jogo, tirou sua camisa do São Paulo e a arremessou em direção ao campo. Segundo ele, essa ação ocorreu naturalmente.

"Foi um ato espontâneo, demonstrando toda a minha indignação com a situação em que o time chegou, com a covardia que apresentou no segundo tempo. Eu não arremessei a camisa no chão, mas no gramado sagrado do Morumbi. O estafe pegou e me devolveu. Portanto, a camisa está comigo e será o meu amuleto daqui para frente. Essa nunca mais sai perto de mim", disse o torcedor à Rádio Bandeirantes.

"Tem que parabenizar o câmera que registrou esse momento, porque era um momento particular. Eu não estava vendo ninguém ali, as 35 mil pessoas que estavam no estádio. Estava cego. Foi um ato de amor movido pelo ódio", acrescentou.

Rodriguinho também informou que a camisa foi adquirida em 2016, ano em que o São Paulo alcançou a semifinal da Libertadores e deu esperança ao torcedor. "Isso para você ver o quanto essa camisa sofreu comigo de lá para cá. Agora, vai continuar sofrendo e, se Deus quiser, ter alguma alegria para o resto da vida. Tem bastante gente me xingando, mas a grande maioria está me apoiando, dizendo que se sentiu representada. Em nenhum momento eu quis desrespeitar o clube. Pelo contrário: o clube que vem desrespeitando o torcedor há um bom tempo", concluiu.

O São Paulo retorna aos gramados na quinta-feira, às 20 horas (de Brasília), quando volta a receber o Palmeiras no Morumbi. Desta vez, o jogo será válido pelo duelo de ida das oitavas de final da Copa do Brasil.

Gazeta Esportiva Gazeta Esportiva
Publicidade
Publicidade