12 eventos ao vivo

"Somos mineiros, vamos comendo pelas beiradas", diz treinador atleticano com classificação

6 jun 2019
23h33
atualizado em 7/6/2019 às 10h44
  • separator
  • 0
  • comentários

Ao término do sorteio da Copa do Brasil, os olhares de sorte voltaram para o Palmeiras e um clima de tensão para o Atlético. A equipe mineira pegaria o Santos, do poderoso Jorge Sampaoli, e chegava na competição ainda com resquícios de uma crise técnica. Após dois jogos, o primeiro em Belo Horizonte e o segundo em São Paulo, o Galo saiu classificado para as quartas de final da competição, com triunfo sobre o Peixe, na noite desta quinta-feira, por 2 a 1.

O técnico Rodrigo Santana comemorou o avanço para a fase seguinte da competição, mesmo quando todos não acreditavam na força alvinegra. "A gente sempre acreditou. É importante que elogie os outros clubes e deixe a gente comendo pelas beiradas. Aos poucos vamos crescendo. Somos mineiros", disse.

O Santos iniciou o jogo pressionando mais e fez o gol muito rápido. O Atlético conseguiu equilibrar e empatar ainda no primeiro tempo. Na etapa complementar, o Galo viu o Santos partir para o ataque e foi cirúrgico para conseguir o tento da classificação.

"Valeu o que a equipe correspondeu muito bem, jká conhecia o adversário, sabia a grandeza, time difícil de marcar, a gente conseguiu manter o equilíbrio, bola parada cedo, a pressão grande no início e a equipe conseguiu manter a calma. Ganhamos campo, trocamos passes, fomos para o intervalo mais calmos. O Santos se expos um pouco e caprichamos nos contra golpes. Difícil, muita gente não acreditava, o grupo está ciente que era possível", finalizou.

Gazeta Esportiva Gazeta Esportiva
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade