PUBLICIDADE

Santos perde para o Flamengo na Vila e Bustos vê pressão crescer

Peixe perdeu por 2 a 1 para o Flamengo, na Vila Belmiro, pela 15ª rodada do Campeonato Brasileiro

2 jul 2022 - 21h09
(atualizado às 21h33)
Ver comentários
Santos perde para o Flamengo na Vila e Bustos vê pressão crescer
Santos perde para o Flamengo na Vila e Bustos vê pressão crescer
Foto: FLÁVIO HOPP/Gazeta Press

O Santos chegou a sua quinta partida seguida sem vitória na temporada. Na noite deste sábado, 2, o Peixe perdeu por 2 a 1 para o Flamengo, na Vila Belmiro, pela 15ª rodada do Campeonato Brasileiro. Pedro e Gabigol anotaram os gols dos visitantes, enquanto Zanocelo descontou.

Com a derrota, o técnico Fabián Bustos viu a pressão sobre o seu trabalho crescer ainda mais. O clube soma apenas um triunfo nos últimos 12 compromissos. São três reveses e oito empates. Como mandante, aliás, já são seis embates sem êxito.

Com o resultado, o Alvinegro Praiano caiu para a oitava colocação do Nacional, com 19 pontos. O Rubro-Negro, por sua vez, subiu para sétimo, com 21.

O Santos volta as suas atenções agora para a Sul-Americana. Nesta quarta-feira, às 21h30 (de Brasília), o time recebe o Deportivo Táchira-VEN, pelo jogo de volta das oitavas de final da Sul-Americana. Na ida, houve um empate de 1 a 1. Simultaneamente, o Flamengo encara o Tolima no Maracanã, pela volta das oitavas da Libertadores. Na ida, os cariocas venceram por 1 a 0.

Já o próximo compromisso do Peixe no Brasileirão está marcado para sábado, às 18 horas, contra o Atlético-GO, na Vila Belmiro. O Rubro-Negro, por sua vez, visita o Corinthians no domingo, às 16 horas.

O jogo

Mesmo atuando longe de casa, os visitantes iniciaram o primeiro tempo dominando a posse de bola e as principais ações da partida. Após tanto rondar a área adversária, o clube da Gávea conseguiu abrir o placar aos 18 minutos.

Marinho recebeu na direita e enfiou boa bola para Everton Ribeiro, que foi até a linha de fundo e cruzou com precisão para Pedro. O atacante, então, emendou belo voleio e saiu para o abraço.

Instantes depois, o camisa 21 teve uma grande chance para ampliar. Victor Hugo disparou pela direita e cruzou na medida para o companheiro. Sozinho na pequena área, o centroavante cabeceou para fora. Na sequência, foi a vez de Victor Hugo pegou a sobra na área e bateu rasteiro, mas pelo lado.

O Santos, por sua vez, só respondeu aos 38. Após lançamento da defesa, Marcos Leonardo ganhou no alto e encontrou bom passe para Lucas Braga, que invadiu a área e soltou o pé, obrigando Santos a fazer ótima defesa. Três minutos depois, o roteiro se repetiu. O atacante dominou pela esquerda e bateu com desvio para mais uma intervenção do goleiro.

2º Tempo

Na volta do intervalo, o Peixe tentou pressionar em busca do empate. O time, porém, teve dificuldades para transformar a posse de bola em chances reais de gol. A primeira oportunidade mais perigosa saiu aos nove minutos. Ângelo foi acionado na direita, cortou para o meio e bateu colocado. No meio do caminho, a bola desviou na marcação e passou raspando a trave.

Já aos 21, saiu o empate. Zanocelo soltou o pé em cobrança de falta e contou com uma falha de Santos para deixar tudo igual.

A alegria dos mandantes, entretanto, durou pouco. Isso porque, aos 28, o Flamengo voltou a ficar a frente. Pedro recebeu ótimo passe de Arrascaeta e bateu para bela defesa de João Paulo. No rebote, porém, a bola sobrou limpa para Gabigol, que bateu firme para estufar as redes.

A partir de então, o Santos voltou a pressionar. Com 34 minutos, Bruno Oliveira foi acionado na direita e tocou para Marcos Leonardo na grande área. Na hora de finalizar, o camisa 9 pegou mal na bola e errou o alvo. Na sequência, o garoto tentou de novo, mas dessa vez parou no goleiro. Já aos 45, Lucas Braga soltou uma bomba e tirou tinta da trave.

Nos minutos finais, o Alvinegro Praiano seguiu rondando a área flamenguista, porém nada foi suficiente para reverter o placar.

FICHA TÉCNICA

SANTOS 1 X 2 FLAMENGO

Local: Vila Belmiro, em Santos (SP)

Data: 02 de julho de 2022, sábado

Horário: 19 horas (de Brasília)

Árbitro: Anderson Daronco (FIFA)

Assistentes: Rafael da Silva Alves (FIFA) e Michael Stanislau

VAR: Emerson de Almeida Ferreira

Cartões amarelos: Felipe Jonatan, Ângelo, Camacho, Zanocelo (Santos); Thiago Maia, Gabriel Barbosa (Flamengo)

Público: 12.464

Renda: R$ 402.345,00

GOLS: Zanocelo, aos 21 do 2ºT (Santos); Pedro, aos 18 do 1ºT, e Gabriel Barbosa, aos 28 do 2ºT (Flamengo)

SANTOS: João Paulo; Auro (Rwan), Velázquez, Bauermann e Felipe Jonatan (Lucas Pires); Camacho e Zanocelo (Sánchez); Ângelo (Bruno Oliveira), Marcos Leonardo, Léo Baptistão (Goulart) e Lucas Braga.

Técnico: Fabián Bustos

FLAMENGO: Santos, Matheuzinho, Gustavo Henrique, Pablo e Ayrton Lucas; Thiago Maia, Victor Hugo (Arrascaeta) e E. Ribeiro (Diego); Vitinho (Lázaro); Marinho (Gabriel Barbosa) e Pedro (David Luiz).

Técnico: Dorival Júnior

Gazeta Esportiva Gazeta Esportiva
Publicidade
Publicidade