0

Raí não vê confiança abalada e põe São Paulo na briga até o fim

24 set 2018
20h25
  • separator
  • 0
  • comentários

Os tropeços recentes no Campeonato Brasileiro não abalaram a confiança do São Paulo na disputa pelo título. A afirmação é de Raí, diretor-executivo de futebol do clube, para quem o time dirigido por Diego Aguirre vai brigar pela taça até a última rodada.

"Já temos um caminho traçado no campeonato. São pouco pontos de diferença. O foco é no jogo a jogo. Cada jogo tem uma importância, mas a confiança está mantida e sabemos que vamos brigar pelas primeiras colocações até o final do campeonato", afirmou, em entrevista à Rádio Globo, nesta segunda-feira.

Passadas 26 rodadas, o São Paulo lidera o Brasileirão com 51 pontos. No segundo turno, contudo, o time somou apenas 10 dos 21 pontos disputados, o que permitiu a aproximação do rival e agora segundo colocado Palmeiras (50). Raí, porém, vê o momento de oscilação como normal e confia na recuperação da equipe.

"Pela expectativa, o líder tem uma pressão a mais. Em um campeonato de nove meses, descidas e subidas são naturais, nada fora do que a gente planejou. O grupo é muito sólido e isso reflete dentro de campo", avaliou o dirigente, que prosseguiu.

"O time pode ganhar ou pode ter atuações que oscilam um pouco, mas se vê um time equilibrado, bastante sólido em sua estrutura. O importante é ter uma média alta para brigarmos pelo título até o fim do ano", ressaltou.

Por fim, Raí também projetou a sequência que o São Paulo terá pela frente no Brasileiro. Após visitar o Botafogo no próximo domingo, o clube vai receber o Palmeiras, no Morumbi, e encarar o Internacional, no Beira-Rio, ambos concorrentes diretos pelo título.

"Em casa, contra o Palmeiras, sem dúvida a força da torcida nos traz um aspecto positivo a mais contra o nosso adversário. Será um jogo-chave. Os detalhes é que farão a diferença. Temos que fazer valer o fator casa nesses confrontos diretos e surpreender fora de casa", concluiu.

Gazeta Esportiva Gazeta Esportiva
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade