PUBLICIDADE

Palmeiras domina Fluminense, mas cede empate e fica no 1 a 1

Neste domingo, a equipe recebeu o Fluminense no Allianz Parque e, jogando melhor, abriu o marcador, mas sofreu o empate na reta final

8 mai 2022 17h58
| atualizado às 18h10
ver comentários
Publicidade

O Palmeiras segue sem fazer campanha encantadora no Campeonato Brasileiro. Neste domingo, a equipe recebeu o Fluminense no Allianz Parque e, jogando melhor, abriu o marcador, mas sofreu o empate na reta final. 1 a 1 foi o placar, em jogo válido pela quinta rodada.

Melhor palmeirense em campo, Dudu criou diversas oportunidades pelo lado direito e, já na segunda etapa, aproveitou cruzamento de Gustavo Scarpa para desviar ao gol do goleiro Fábio. Porém, não muito depois, o Fluminense chegou ao empate com Cano.

Palmeiras domina Fluminense, mas cede empate e fica no 1 a 1
Palmeiras domina Fluminense, mas cede empate e fica no 1 a 1
Foto: Gero Rodrigues / Gazeta Press

O resultado mantém a campanha irregular da equipe de Abel Ferreira no Brasileirão. Até aqui, são cinco jogos, uma vitória, dois empates e uma derrota. Assim, a equipe soma seis pontos, momentaneamente no 13º posto. Enquanto isso, o Fluminense vem um pouco abaixo, em 15º, com apenas 5.

Agora, as equipes focam em seus próximos compromissos. Nesta quarta-feira, o Palmeiras encara, fora de casa, a Juazeirense, pela partida de volta da terceira fase da Copa do Brasil. A bola rola às 19h (de Brasília). Já o Fluminense, na mesma data e pela mesma competição, enfrenta o Vila Nova, em Goiás, às 21h30.

O jogo - O início da partida foi de controle do Palmeiras. Jogando em casa, a equipe subiu suas linhas e pressionou muito a posse de bola adversária. As melhores oportunidades da vinham pelas pontas, com Dudu e Rony abusando de cruzamentos.

Já o Fluminense chegava pouco ao campo de ataque. Ainda assim, a primeira grande chance do jogo veio pelo lado visitante. Ganso cobrou escanteio rasteiro, Samuel Xavier fez o corta-luz e Nathan chegou batendo de primeira. Weverton voou e fez ótima defesa.

Mesmo após a oportunidade carioca, o padrão se manteve o mesmo. Assim, o Verdão criou sua primeira chance clara. Rony recebeu belíssimo lançamento, se colocou à frente da marcação e partiu de frente para Fábio. No cara a cara, o goleiro saiu pelo chão e tocou o palmeirense, que caiu. No campo, o juiz não deu o pênalti, e o VAR acompanhou a decisão.

Segundo tempo

Com o Fluminense levando perigo nos minutos iniciais, Abel Ferreira promoveu mudanças simultâneas e sacou seus dois laterais titulares para a entrada dos reservas Jorge e Myke. Após a mexida, as jogadas cariocas se tornaram mais raras, enquanto o Palmeiras tinha suas maiores oportunidades pelos pés de Dudu, dando muito trabalho para Pineda na ponta direita.

Na principal chance da partida até então, Rony recebeu à frente da marcação em cobrança de lateral, olhou para a área e serviu o camisa 7, com total liberdade no centro. O atacante palmeirense apostou em batida no contra pé de Fábio, que esticou o braço direito e conseguiu fazer milagre.

Porém, na outra chance que teve, Dudu não perdoou. Scarpa fez o cruzamento pelo lado direito, Rony desviou de cabeça e Dudu, desta vez pelo lado esquerdo, apareceu bem, próximo à trave, para tocar às redes.

Num primeiro momento, a equipe carioca pareceu ter sentido o gol, mas conseguiu encontrar o empate. Caio Paulista escapou com muita velocidade pelo lado esquerdo e encontrou a defesa palmeirense aberta. Na linha de fundo, o jogador cruzou para Germán Cano, dentro da área, só tocar para marcar.

FICHA TÉCNICA

PALMEIRAS 1 X 1 FLUMINENSE

Data: 08 de maio de 2022, domingo

Local: Allianz Parque, em São Paulo-SP

Horário: 16h (de Brasília)

Árbitro: Sávio Pereira Sampaio (DF)

Assistentes:  Alessandro Álvaro Rocha de Matos (BA) e Daniel Henrique da Silva Andrade (DF)

VAR: Rafael Traci (SC)

Cartões amarelos: Gustavo Gómez (Palmeiras); Nonato, Wellington (Fluminense)

Gols:

Palmeiras: Dudu (26′ do 2T)

Fluminense: Cano (37′ do 2T)

PALMEIRAS: Weverton; Marcos Rocha (Mayke), Gustavo Gómez, Murilo e Piquerez (Jorge); Danilo (Rafael Navarro), Zé Rafael e Raphael Veiga; Wesley (Scarpa), Dudu e Rony.

Técnico: Abel Ferreira

FLUMINENSE: Fábio, Samuel Xavier (Caio Paulista), Nino, David Braz e Pineda; Wellington, Yago Felipe, Nathan (Willian) e Paulo Henrique Ganso (Nonato) (Fred); Luiz Henrique e Germán Cano

Técnico: Fernando Diniz

Gazeta Esportiva Gazeta Esportiva
Publicidade
Publicidade