PUBLICIDADE

No Z4, Grêmio vence Cuiabá em jogo atrasado do Brasileirão

Jogando fora de casa, Tricolor Gaúcho contou com gol de Borja para conquistar os três pontos

18 ago 2021 21h05
| atualizado às 21h11
ver comentários
Publicidade

Na noite desta quarta-feira (18), o Grêmio venceu o Cuiabá por 1 a 0, em partida atrasada da 5ª rodada do Campeonato Brasileiro. O único gol do confronto foi anotado por Borja, de pênalti. Apesar da vitória, o Tricolor Gaúcho não deixou o 19° lugar na tabela, mas ficou a apenas quatro pontos do próprio Dourado, primeiro time fora do Z4.

Agora, as duas equipes voltam os seus olhos para a 17ª rodada do Brasileirão Série A. Assim, no sábado (21), o Grêmio recebe o Bahia, às 19h. Por outro lado, o Cuiabá viaja até São Paulo para enfrentar o Palmeiras no domingo (22), às 11h.

No Z4, Grêmio vence Cuiabá em jogo atrasado do Brasileirão
No Z4, Grêmio vence Cuiabá em jogo atrasado do Brasileirão
Foto: Chico Ferreira / Futura Press

Começo lento

Com muito calor em Mato-Grosso, Cuiabá e Grêmio fizeram 15 minutos de muito estudo e de poucas ações. Assim como tem feito em algumas partidas dentro do campeonato, o Dourado optou por ficar sem a bola, mesmo jogando em seu estádio.

Dono da posse de bola, o Grêmio passou a trocar passes e buscar espaços na compacta defesa cuiabana. Apesar disso, as chances reais não apareceram. No único arremate que conseguiu, o Tricolor passou longe do gol, já que Borja isolou o passe de Villasanti.

Quando chegou...

Mesmo com dificuldades para articular as suas jogadas, o Grêmio se mostrou mais a vontade no jogo para impor o seu estilo. Aos 16 minutos, Alisson recebeu de Maicon e bateu firme, mirando o canto esquerdo alto de Walter. A bola passou assustando o goleiro da casa.

Pouco depois do primeiro chute perigoso, Alisson recebeu pela esquerda, invadiu a área e foi empurrado por João Lucas. Chamado pelo VAR, o árbitro assinalou pênalti. Na cobrança, Borja deslocou Walter e colocou o Imortal Tricolor na frente.

Tudo igual, mas no duelo particular

Atrás no placar, o Cuiabá passou a ficar mais com a bola e procurou alternativas para deixar tudo igual ainda na primeira etapa. Entretanto, quem realmente chegou com perigo foi o Grêmio.

Aos 38 minutos, Douglas Costa fez jogada em velocidade e cruzou na cabeça de Borja. O colombiano subiu e testou firme, mas Walter operou um milagre e deixou tudo igual no duelo particular entre eles, levando o placar adverso de 1 a 0 para o intervalo.

Cuiabá volta melhor

A ida para os vestiários foi benéfica à equipe da casa. Durante os primeiros 15 minutos da etapa final, o Cuiabá foi dono do jogo, similar o que fez o Grêmio no primeiro tempo.

Clayson assumiu a responsabilidade e criou as principais chances dos cuiabanos. Logo aos 2 minutos, o camisa 10 apareceu livre no meio da área, mas chutou para fora. Pouco depois, recebeu na intermediária, deixou a bola quicar e emendou para o gol. Gabriel Chapecó voou e, de mão trocada, mandou para escanteio.

Trave salva o Grêmio

Depois dos 15 primeiros minutos, o confronto perdeu intensidade, com as duas equipes criando pouco e não proporcionando perigo ao gol adversário. Com a bola, o Grêmio buscou fazer o tempo passar e administrou o jogo, inclusive parando muitos lances com faltas.

Na única grande chance real que teve depois do início da etapa, o Cuiabá quase conseguiu o empate. Aos 43 minutos, Clayson fez jogada individual na entrada da área e, de esquerda, bateu colocado. A bola encobriu Gabriel Chapecó e explodiu no travessão, fechando o jogo em 1 a 0 a favor do Grêmio.

FICHA TÉCNICA

CUIABÁ 0X1 GRÊMIO

Local: Arena Pantanal, em Cuiabá-MT

Data/Horário: 18 de agosto de 2021 (quarta-feira), às 19h

Árbitro: Leo Simão Holanda (CE)

Assistentes: Cleriston Clay Barreto Rios (CE) e Cleberson do Nascimento Leite (CE)

Gol: Borja (24'/1°T) (0-1)

Cartões amarelos: Thiago Santos, Rafinha, Vanderson, Ruan, Jean Pyerre (Grêmio), João Lucas (Cuiabá)

CUIABÁ: Walter; João Lucas, Marllon, Paulão e Uendel; Auremir (Uillian Correia, aos 24'/2°T), Rafael Gava (Cabrera, aos 0'/2°T) e Pepê (Osman, aos 31'/2°T); Clayson, Jenison (Elton, aos 24'/2°T) e Danilo Gomes (Jonathan Cafú, aos 0'/2°T). Técnico: Jorginho.

GRÊMIO: Gabriel Chapecó; Vanderson, Ruan, Rodrigues e Rafinha; Thiago Santos, Maicon (Lucas Silva, aos 29'/1°T, Jean Pyerre, aos 0'/2°T)) e Villasanti; Alisson (Luiz Fernando, aos 46'/2°T), Borja e Douglas Costa (Léo Pereira, aos 31'/2°T). Técnico: Felipão.

Lance!
Publicidade
Publicidade