0

Manoel pede "auxílio-moradia" e não veste mais a camisa do Corinthians

11 jan 2019
14h27
atualizado às 14h27
  • separator
  • comentários

Antes dada como certa, a negociação entre Manoel e Corinthians, por empréstimo, esfriou e provavelmente não terá sequência. Na noite dessa quinta-feira, a ida do defensor para São Paulo já contava com apoio do Cruzeiro, que tem 60% do passe, e Athlético-PR, 40%, mas esfriou.

O Timão procurou a equipe mineira para empréstimo de uma temporada, com o Corinthians arcando com todo salário do atleta.

No entanto, Manoel fez uma exigência muito estranha: o atleta pediu que o Timão fizesse um acréscimo em seu pagamento para que ele conseguisse arcar com sua moradia. O pedido era de R$ 50 mil a mais, algo que irritou a cúpula paulista.

Manoel está sem espaço no Cruzeiro. Com isso, o atleta foi colocado em uma lista de atletas que seriam liberados, mas poucas propostas apareceram. O defensor tem um dos salários mais altos do elenco.

Gazeta Esportiva Gazeta Esportiva

compartilhe

comente

  • comentários
publicidade
publicidade