PUBLICIDADE

Fortaleza, um lanterna inesperado

Time fez campanha destacada no Brasileiro de 2021

23 mai 2022 10h11
ver comentários
Publicidade
O técnico Juan Vojvoda, do Fortaleza, na partida entre Fortaleza e Fluminense
O técnico Juan Vojvoda, do Fortaleza, na partida entre Fortaleza e Fluminense
Foto: LC Moreira / Estadão

A lua de mel do técnico Juan Vojvoda com o Fortaleza pode estar próxima do fim. Nessa quarta (25), ou o time segura o Colo Colo no Chile e avança às oitavas de final da Libertadores (basta um empate) ou o argentino tem tudo para ser dispensado. Pesa contra ele, muito mais do que uma eventual eliminação no torneio continental, a lanterninha do Fortaleza no Brasileiro.

Após seis jogos, só conseguiu um ponto. São cinco derrotas. No ano passado, o Fortaleza encantou no Brasileiro, fez brilhante campanha e conquistou inédita vaga na Libertadores. Vojvoda recebeu elogios de todos os lados.

Agora, inesperadamente, o Fortaleza acumula insucessos. Houve sim uma certa falta de sorte em alguns jogos recentes. Como o disputado nesse domingo (22), no Castelão, em que acabou derrotado pelo Fluminense por 1 a 0 mesmo dominando a partida e levando perigo constantemente à zaga do Tricolor carioca.

Um dos pontos que parecem traduzir essa má fase da equipe é a falta de pontaria de seus atacantes. O Fortaleza constrói bem as jogadas, faz triangulações e tabelas com eficiência, consegue enganar os adversários, mas, na hora, de dar o último arremate, erra demais.
 

Papo de Arena Todo o conteúdo (textos, ilustrações, áudios, fotos, gráficos, arquivos etc.) deste blog é de responsabilidade do blogueiro que o assina. A responsabilidade por todos os conteúdos aqui publicados, bem como pela obtenção de todas as autorizações e licenças necessárias, é exclusiva do blogueiro. 
Publicidade
Publicidade