0

Fluminense tenta reação no Campeonato Brasileiro em visita ao Fortaleza

6 set 2019
20h06
atualizado em 7/9/2019 às 16h41
  • separator
  • 0
  • comentários

Vivendo um momento conturbado, sem ganhar há três jogos na competição e mergulhado na zona de rebaixamento, o Fluminense busca a reação neste sábado, às 17h (de Brasília), quando visita o Fortaleza na Arena Castelão, em Fortaleza (CE), pela 18ª rodada do Campeonato Brasileiro.

O Tricolor carioca vem de uma derrota de 1 a 0 para o lanterna Avaí, que até então não tinha ganho no Brasileirão, e isso fez a crise se instalar nas Laranjeiras. Já o time nordestino ganhou fôlego com o triunfo de 2 a 0 sobre o Goiás e, com 21 pontos, está na 12ª posição.

O ambiente realmente preocupa no Fluminense. Até mesmo o técnico Oswaldo de Oliveira parece estar pressionado apesar de ter apenas dois jogos no cargo. Isso porque ele já entrou em rota de colisão com o principal reforço para esta temporada, o meia Paulo Henrique Ganso, que não gostou de estar sendo substituído.

O grupo, que não teria ficado satisfeito com a demissão de Fernando Diniz, parece estar com dificuldades de assimilar o discurso do comandante. O treinador, porém, prefere manter o foco no jogo.

"Criamos muitas oportunidades contra o Avaí e não conseguimos fazer os gols que nos dariam a vitória. Mas não podemos ficar lamentando o que aconteceu e trabalharemos cada vez mais para tirar o time desta situação. O jogo contra o Fortaleza é complicado, mas podemos ganhar", disse Oswaldo.

Os jogadores se comprometeram a dar o máximo em campo na luta pelo triunfo.

"Nós temos que mostrar o verdadeiro valor deste grupo. Olhar para dentro de si e ver o que cada um pode dar para tirar o time desta situação. Não vamos ficar procurando culpados, pois todos nós temos responsabilidade e todos nós jogadores sabemos que apenas nós podemos tirar o Fluminense desta posição. Temos que ter autocrítica e saber o que podemos fazer para reverter o mais rápido possível essa situação", disse o goleiro Muriel.

Em termos de escalação, o Fluminense terá duas mudanças em relação ao jogo contra o Avaí. O lateral-direito Gilberto ganhou a vaga de Igor Julião, barrado. Já o volante Aírton herda o posto de Allan, que está servindo à Seleção Brasileira olímpica em amistosos.

Pelo lado do Fortaleza, o técnico Zé Ricardo minimizou o momento do Fluminense, alertando seus comandados sobre os perigos do confronto.

"O Fluminense merece todo o nosso respeito, pois é um time habilidoso, de qualidade e que joga de maneira leve e ofensiva. vai querer buscar o jogo mesmo fora de casa, pois precisa do resultado. É preciso tirar o time deles da zona de conforto desde o primeiro minuto. Vai ser um jogo muito lutado, muito energizado, e vamos precisar estar a nossa plenitude", analisou o treinador do Fortaleza.

Para este compromisso o Fortaleza não tem problemas, pois o volante Felipe e os atacantes Felipe Pires e Wellington Paulista, que chegaram a ser dúvidas por conta de desgaste muscular, trabalharam normalmente na véspera do confronto e vão a campo.

FICHA TÉCNICA

FORTALEZA-CE X FLUMINENSE-RJ

Local: Arena Castelão, em Fortaleza (CE)

Data: 7 de setembro de 2019 (Sábado)

Horário: 17h(de Brasília)

Árbitro: Wilton Pereira Sampaio (Fifa-GO)

Assistentes: Fabricio Vilarinho da Silva (Fifa-GO) e Bruno Raphael Pires (Fifa-GO)

FORTALEZA: Felipe Alves, Tinga, Quintero, Jackson e Carlinhos; Felipe, Juninho e Gabriel Dias; Felipe Pires, André Luís e Wellington Paulista

Técnico: Zé Ricardo

FLUMINENSE: Muriel, Gilberto, Nino, Digão e Caio Henrique; Aírton, Paulo Henrique Ganso e Nenê; Wellington Nem, Yony González e João Pedro

Técnico: Oswaldo de Oliveira

Gazeta Esportiva Gazeta Esportiva
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade