0

Em confronto direto contra a queda, Vitória e América ficam no empate sem gols no Barradão

21 ago 2019
21h33
atualizado às 21h33
  • separator
  • 0
  • comentários

Ambos na luta contra a queda para a Série C, Vitória e América empataram sem gols, na noite desta quarta-feira, em duelo disputado no Barradão, válido pela 17ª rodada do Campeonato Brasileiro da segunda divisão.

No fim das contas o empate foi bom para os dois. Isso porque a igualdade deixou a dupla com 18 pontos cada, empatados em número de tentos, separados pelos critérios de desempate, ambos conseguiram, pela combinação de resultados, um folego fora da turma dos quatro últimos. O Coelho na 16ª colocação e o Vitória na 14ª. Entre eles o Vila Nova também com 18 tentos.

Primeiro tempo

O América iniciou a partida tomando as principais atitudes do jogo, querendo partir para o ataque e resolver logo a situação. No entanto, encontrou, após os primeiros minutos, um adversário que passou a marcar a saída de bola.

Apesar de marcar lá na frente, quando tinha a bola nos pés, o Vitória encontrava muita dificuldade para sair jogando, de trocar passes para encontrar as linhas à frente. Com isso, ficava retraído, com problemas.

A primeira boa oportunidade foi com o América. Em chegada pelo meio, aos 13, Viçosa recebeu o passe e arriscou o chute, mas a bola foi pra fora, levando, no entanto, o susto para o goleiro. Aos 21, o Vitória conseguiu responder. Com Felipe Gedoz com chute de perna esquerda, mas Jori fez ótima defesa.

Aos 28, o América voltou a atacar com perigo. Em lançamento para a área, Felipe Azevedo deixa para Júnior Viçosa, na área, mas o chute vai por cima do gol.

Em campo, era possível perceber ainda as dificuldades do Vitória em campo. A equipe não conseguia ter qualquer controle da partida, não tinha posse de bola e pouca produção. Detalhe é que o treinador fez alterações na equipe pensando em ficar com a redonda nos pés.

Segundo tempo

Na volta do intervalo, o América seguiu ainda agressivo. Logo aos 4, com Matheusinho, o time mineiro chegou com perigo e o goleiro precisou entrar para fazer uma boa defesa. No minuto seguinte, com nova boa jogada de Matheusinho, a bola chegou em Geovane, mas o chute parou na trave.

Enquanto isso, o Vitória seguia com problemas para sair jogando. Eram problemas de erros de passes, chutes da zaga direto para o ataque que não davam em nada.

Aos 20, em chegada firme de Zé Ricardo, o árbitro de cartão amarelo. Como ele já tinha um no jogo, foi expulso. Isso deu mais possibilidades de espaço para o Vitória.

Ao contrário do esperado, o América seguiu chegando. Em duas oportunidades com Neto Berola, o time alviverde levou perigo tentando surpreender o goleiro adversário.

FICHA TÉCNICA

VITÓRIA-BA 0 X 0 AMÉRICA-MG

Local: Estádio Manoel Barradas, em Salvador (BA)

Data: 21 de agosto de 2019, Quarta

Horário: 19h15 (de Brasília)

Árbitro: Marcelo de Lima Henrique (RJ)

Assistentes: Silbert Faria Sisquim (RJ) e Carlos Henrique Alves de Lima Filho (RJ)

Cartões: Lucas Candido (Vitória); Zé Ricardo 2 (América)

Cartão vermelho: Zé Ricardo (América)

VITÓRIA: Martín Rodríguez; Van, Everton Sena, Ramon, Capa, Baraka, Lucas Cândido, Felipe Gedoz, Ruy (Caicedo), Thiaguinho (Marcelo), Anselmo Ramon (Eron).

Técnico: Carlos Amadeu

AMÉRICA-MG: Jori, Leandro Silva, Paulão, Ricardo Silva, João Paulo; Zé Ricardo, Juninho, Geovane (Willian Maranhão); Matheusinho (Diego Ferreira), Felipe Azevedo e Júnior Viçosa (Neto Berola)

Técnico: Felipe Conceição

Gazeta Esportiva Gazeta Esportiva
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade