PUBLICIDADE

Corinthians pode marcar 2021 como ano da vingança contra dupla Gre-Nal

2 dez 2021 05h12
| atualizado às 17h48
ver comentários
Publicidade

Os torcedores do Corinthians que foram a Porto Alegre em 2 de dezembro de 2007 para apoiar o clube paulista na última rodada do Campeonato Brasileiro daquele ano se depararam com uma cena inusitada e surpreendente.

Apesar da rivalidade local, gremistas e colorados se uniram, primeiro para torcer pelo rebaixamento do Timão. Depois, com a confirmação da queda corintiana à Série B, os gaúchos foram às ruas para comemorar, lado a lado.

A cena chamou tanta atenção que virou manchete de diversos meios de comunicação. Muitos, à época, garantiram que foi o único momento na história que a dupla Gre-Nal se juntou para festejar.

Torcedores do Grêmio durante o jogo que marcou o rebaixamento do Corinthians

Em campo, o Grêmio segurou o empate por 1 a 1 no Estádio Olímpico, enquanto o Internacional perdeu para o Goiás por 2 a 1, no Serra Dourada, com o gol da vitória dos goianos saindo em uma cobrança de pênalti que precisou ser repetida três vezes devido aos adiantamentos do goleiro Clemer.

A combinação dos dois resultados deu no que gremistas e colorados desejavam: o rebaixamento do Corinthians.

De lá para cá, muita coisa mudou, mas nada do que aconteceu em Porto Alegre há 14 anos caiu em esquecimento. Quis o destino que tanto Inter quanto Grêmio se deparassem com o Corinthians, em 2021, em situações delicadas, cada um a sua maneira.

No dia 25 de fevereiro, o Colorado recebeu o Timão pela derradeira rodada do Brasileirão de 2020. Era a chance de conquistar o título depois de 41 anos.

O Corinthians, no entanto, segurou o 0 a 0 em pleno Beira-Rio, impediu o fim do jejum do Inter e fez o seu torcedor saborear a frustração do adversário.

No próximo domingo, dessa vez pelo Brasileirão de 2021, o Corinthians estará na Neo Química Arena, diante do Grêmio, em jogo que pode consumar o rebaixamento tricolor.

A expectativa é enorme na Fiel, que tem promovido uma corrida por ingressos. Todos querem estar do estádio de Itaquera. A maior torcida organizada do clube chegou a escrever uma carta aberta ao elenco de Sylvinho, relembrando os fatos de 2007.

Após 14 anos, 2021 pode ficar marcado, para o torcedor do Corinthians, como o ano da vingança contra a dupla Gre-Nal.

Gazeta Esportiva Gazeta Esportiva
Publicidade
Publicidade