0

Com gol contra da Chape, Santos vence e dorme na liderança

Resultado leva o time aos 36 pontos; Flamengo joga neste domingo contra o Palmeiras no Maracanã

31 ago 2019
21h03
atualizado em 2/9/2019 às 14h30
  • separator
  • 0
  • comentários

O Santos não vencia há três rodadas no Campeonato Brasileiro. A seca de triunfos terminou na noite desse sábado, na Arena Condá, graças a um gol contra de Gum. O zagueiro da Chapecoense garantiu o placar de 1 a 0 para o Peixe nessa 17ª rodada.

Lucas Veríssimo e Soteldo, do Santos, comemoram gol contra de Gum, da Chapecoense
Lucas Veríssimo e Soteldo, do Santos, comemoram gol contra de Gum, da Chapecoense
Foto: LIAMARA POLLI/AM PRESS & IMAGES / Estadão Conteúdo

O resultado leva o Santos aos 36 pontos e à liderança da competição. O Flamengo, que neste domingo recebe o Palmeiras, só tira os paulistas da ponta se somar três pontos no Maracanã.

A Chape, por sua vez, segue sua campanha de risco. Os catarinenses estacionaram nos 14 pontos e estão na 17ª posição, dentro da zona de rebaixamento, podendo cair ainda mais na tabela até o fim da rodada.

Para buscar a reação na competição, Jorge Sampaoli voltou a apostar em uma escalação sem Carlos Sánchez entre os titulares. De imediato, a estratégia não deu muito certo. Eduardo, pela direita, e Arthur Gomes, que pertence ao Santos e atuou pela esquerda do ataque da Chape, atormentaram os defensores visitantes.

Nem parecia que a Chape luta para não ser rebaixada. Era um time ambicioso, inclusive com jogadas individuais abusadas. Mas, o tempo foi passando e o Peixe foi não só equilibrando como tomando o controle do jogo.

De mais emocionante até o intervalo foram dois lances, um para cada lado. Primeiro, os mandantes ficaram pedindo pênalti de Veríssimo em cima de Everaldo. O árbitro até apelou à TV, mas continuou sem enxergar falta no lance.

Diego Pituca, do Santos, disputa lance com Bruno Pacheco, da Chapecoense, em partida válida pela 17ª rodada do Campeonato Brasileiro 2019, na Arena Condá, em Chapecó
Diego Pituca, do Santos, disputa lance com Bruno Pacheco, da Chapecoense, em partida válida pela 17ª rodada do Campeonato Brasileiro 2019, na Arena Condá, em Chapecó
Foto: RICARDO LUIS ARTIFON/AGIF / Estadão Conteúdo

Quando todos imaginam um intervalo ainda zerado, uma jogada inusitada colocou o Peixe na frente do marcador. Felipe Jonatan se livrou de Eduardo e serviu Soteldo na ponta esquerda. O venezuelano cruzou e contou com Gum para sair para o abraço. Havia um impedimento no início da jogada, mas o auxiliar não parou a jogada.

O gol contra fez com que os catarinenses se lançassem ao ataque no segundo tempo. Na melhor das oportunidades de empate, Henrique tirou demais de Everaldo e mandou para fora. Sasha também teve a sua chance. O jogo, no entanto, não teve mais gols. Melhor para os santistas.

Na próxima rodada, o alvinegro recebe o Athletico-PR na Vila Belmiro, domingo, às 16h. Já a Chapecoense visita o CSA no mesmo dia, no estádio Rei Pelé, às 19h (de Brasília).

FICHA TÉCNICA

CHAPECOENSE 0 x 1 SANTOS

Local: Arena Condá, em Chapecó (SC)

Data: 31 de agosto de 2019 (sábado)

Horário: 19h (de Brasília)

Árbitro: Bruno Arleu de Araujo (RJ)

Assistentes: Thiago Henrique Neto (RJ) e Daniel do Espirito Santo Parro (RJ)

VAR: Carlos Eduardo Nunes Braga (RJ)

Cartões amarelos: Arthur Gomes, Eduardo (CHA); Pituca, Everson, Soteldo (SAN)

GOL:

Santos: Gum, aos 38 minutos do 1T.

CHAPECOENSE: Tiepo; Eduardo, Gum (Diego Torres), Maurício Ramos e Bruno Pacheco; Márcio Araújo, Campanharo, Rafael Pereira (Henrique Almeida) e Camilo (Aylon); Arthur Gomes e Everaldo.

Técnico: Emerson Cris

SANTOS: Everson, Lucas Veríssimo, Felipe Aguilar e Gustavo Henrique; Victor Ferraz, Evandro (Jean Mota) e Diego Pituca; Felipe Jonatan (Sánchez), Derlis González (Alison), Soteldo e Eduardo Sasha

Técnico: Jorge Sampaoli

Gazeta Esportiva Gazeta Esportiva
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade