PUBLICIDADE

Atlético-GO vence o Flamengo, mas fica fora da Libertadores

Apesar de não conseguir a vaga na Libertadores, o Atlético-GO satisfeito com os seus 53 pontos. Já o Flamengo, com 71 pontos, terminou em 2º

9 dez 2021 23h57
| atualizado em 10/12/2021 às 00h19
ver comentários
Publicidade

O Atlético-GO fechou com chave de ouro a sua campanha no Campeonato Brasileiro, que rendeu uma vaga na Copa Sul-Americana. Jogando no Estádio Antônio Accioly, em Goiânia (GO), o Dragão derrotou o Flamengo por 2 a 0 na noite desta quinta-feira pela última rodada do Campeonato Brasileiro.

Apesar de não conseguir a vaga na Libertadores, por conta do resultado de outros jogos, o Dragão ficou satisfeito com os seus 53 pontos. Já o Flamengo, com 71 pontos, terminou o Brasileirão em segundo lugar, mas com gosto amargo na boca.

O primeiro tempo foi marcado por um Atlético dominando as ações. Entretanto, encontrando dificuldades para ser decisivo na hora do último passe. Assim, criou poucas chances. Já o Flamengo tinha problemas para armar o contra-ataque. Muito pela falta de entrosamento.

Atlético-GO vence o Flamengo, mas fica fora da Libertadores
Atlético-GO vence o Flamengo, mas fica fora da Libertadores
Foto: Heber Gomes / Gazeta Press

A primeira chance de gol saiu aos nove minutos. Após bom ataque do Dragão, que começou pelo lado direito, Baralhas recebeu na entrada da área e mandou a bomba. Mas o goleiro Hugo Souza, bem colocado, fez a defesa.

O Atlético também teve boa oportunidade de gol aos 21 minutos. Após jogada individual de Arnaldo pela direita, o jogador chutou com a esquerda e acertou o travessão. Rickson chegou atrasado e não conseguiu aproveitar o rebote.

Aos 35 minutos, Barralhas recebeu uma sobra de bola na entrada da área, mas mandou a bola para fora. Mas as emoções da etapa inicial ficaram nisso.

Com sete minutos de atraso por conta do retardo no começo de outros jogos, a partida recomeçou com o Flamengo assustando. Logo aos quatro minutos, Lázaro recebeu de Renê e chutou cruzado. Entretanto, Fernando Miguel fez complicada defesa.

O Atlético seguiu tentando se impor mesmo com a melhora do Flamengo. Mas continuava com dificuldades de criação. Um lance polêmico aos 23 minutos movimentou o duelo. Após dividida na área, o árbitro Paulo Roberto Alves Jr. viu toque de mão de Gabriel Noga e anotou o pênalti. Mas anulou a marcação com a ajuda do VAR.

Se o grito de gol da torcida do Dragão não saiu no pênalti, ele aconteceu aos 35 minutos. Marlon Freitas cruzou da direito e Lucão ganhou da zaga pelo alto e cabeceou para o fundo da rede.

E ainda teve mais. Aos 47, André Luís acionou Marlon Freitas na direita e o jogador fez outro belo cruzamento. Mas dessa vez foi Toró que se antecipou aos zagueiros para concluir para o fundo da rede.

Agora, os dois clubes oficialmente dão férias aos dois elencos e já começam a projetar a temporada de 2022. O Atlético disputa a partir de janeiro o Campeonato Goiano. No mesmo mês, o Flamengo inicia a sua trajetória no Campeonato Carioca.

FICHA TÉCNICA
ATLÉTICO-GO 2 X 0 FLAMENGO

Local: Estádio Antônio Accioly, em Goiânia (GO)
Data: 9 de dezembro de 2021 (Quinta-feira)
Hora: 21h30 (de Brasília)
Árbitro: Paulo Roberto Alves Jr. (PR)
Assistentes: Victor Hugo Imazu dos Santos (PR) e Márcia Bezerra Lopes Caetano (RO)
VAR: Heber Roberto Lopes (SC)
Renda e público: não fornecidos
Cartões amarelos: Willian Maranhão, Oliveira, Rickson e Marlon Freitas (Atlético) e Léo Pereira e Piris da Motta (Flamengo)

Gols:
ATLÉTICO-GO: Lucão aos 35 e Toró aos 47 minutos do 2º Tempo

FLAMENGO: Hugo Souza, Bruno Viana (Werton), Léo Pereira e Gabriel Noga; Wesley, Piris da Motta, João Gomes, Lázaro (Matheus França) e Rêne; André Luiz (Thiaguinho) e Vitor Gabriel (Ryan Luka)
Técnico: Maurício Souza

ATLÉTICO-GO: Fernando Miguel, Arnaldo, Oliveira, Éder (Wanderson) e Arthur Henrique; Willian Maranhão (André Luís), Marlon Freitas, Baralhas, Rickson (Toró) e Janderson (André Lima); Montenegro (Lucão)
Técnico: Marcelo Cabo

Gazeta Esportiva Gazeta Esportiva
Publicidade
Publicidade