1 evento ao vivo

Bragantino derrota Brasil de Pelotas e amplia ainda mais a vantagem na liderança da Série B

Equipe do interior paulista abriu dez pontos de vantagem sobre o atual quinto colocado da competição

31 ago 2019
22h17
atualizado às 22h17
  • separator
  • 0
  • comentários

O Bragantino segue "nadando de braçada" na Série B do Campeonato Brasileiro. Neste sábado, em um dos jogos que fechou a 20.ª rodada, o time paulista recebeu e venceu o Brasil de Pelotas, pelo placar de 2 a 1, no estádio Nabi Abi Chedid, em Bragança Paulista (SP), para se manter ainda mais isolado na liderança, encaminhando cada vez mais o seu acesso.

Com a vitória, o Bragantino chegou aos 41 pontos e contou com a derrota do Coritiba para a Ponte Preta para abrir ainda mais distância do segundo colocado: que agora é de sete pontos. São dez para o Cuiabá, o atual quinto colocado.

Bragantino superou o Brasil de Pelotas por 2 a 1 e se mantém cada vez mais isolado na liderança da Série B
Bragantino superou o Brasil de Pelotas por 2 a 1 e se mantém cada vez mais isolado na liderança da Série B
Foto: Reprodução/Twitter/@bragantino_real / Estadão

Já o Brasil-RS vive um momento totalmente diferente. No meio da tabela de classificação, na 12.ª colocação, o time gaúcho tem 25 pontos. Segue em recuperação e de olho em se afastar da zona de rebaixamento.

O Bragantino começou a partida tendo mais posse de bola, tomando às rédeas do duelo e criando as melhores chances nos primeiros minutos do primeiro tempo. A melhor saiu aos 11, quando Edimar cobrou falta e Carlos Eduardo defendeu parcialmente. Morato pegou o rebote, mas chutou para fora. Do outro lado, o Brasil-RS apostava em contra-ataques rápidos e bolas alçadas na área para tentar responder.

Apesar disso, o placar só foi sair do zero aos 40 minutos. Edimar recebeu na área e cruzou rasteiro. O zagueiro Bruno Aguiar tentou afastar de carrinho e acabou mandando para a sua meta, em um gol contra. Enquanto os donos da casa ainda comemoravam, o Brasil-RS chegou ao empate. Aos 43, após cobrança de escanteio, Carlos Jatobá apareceu na área e testou firme para o fundo das redes. Por isso, o primeiro tempo terminou empatado por 1 a 1.

Após o intervalo, o Bragantino voltou focado em marcar mais um gol para ficar com a vitória. Logo aos 13 minutos, levou perigo em uma cabeçada de Matheus Peixoto, que passou perto do travessão, mas saiu por cima. No lance seguinte, porém, Claudinho não perdoou. Aos 15, Wesley recebeu na área e cruzou rasteiro para o atacante que chegou chutando no contrapé do goleiro, que nada pôde fazer.

A partir daí, o time da casa passou a trocar passes no meio de campo para segurar a vitória e o ritmo do duelo caiu bruscamente. Nos minutos finais, o Brasil-RS até tentou exercer uma pressão para chegar ao empate, mas sem sucesso. Até por conta disso, a partida terminou mesmo com a vitória do cada vez mais líder Bragantino por 2 a 1.

Os dois times voltam a campo no decorrer da próxima semana para a 21.ª rodada. Nesta terça-feira, o Brasil-RS recebe o Londrina, no estádio Bento de Freitas, às 19h15. No outro sábado, o Bragantino visita o Sport, no estádio da Ilha do Retiro, no Recife, às 19 horas.

FICHA TÉCNICA:

BRAGANTINO 2 x 1 BRASIL-RS

BRAGANTINO - Júlio César; Aderlan, Anderson Marques, Rayan e Edimar; Barreto, Uillian Coreia e Claudinho; Morato (Vitinho), Wesley (Bruno Tubarão) e Matheus Peixoto (Thiago Ribeiro). Técnico: Antônio Carlos Zago.

BRASIL-RS - Carlos Eduardo; Ednei, Leandro Camilo, Bruno Aguiar e Willian Formiga; Carlos Jatobá, Leandro Leite (Eduardo Person), Diego Oliveira (Maicon Assis) e Murilo Rangel; Rodrigo Alves e Cristian (Daniel Cruz). Técnico: Bolívar.

GOLS - Bruno Aguiar (contra), aos 40, e Carlos Jatobá, aos 43 minutos do primeiro tempo; Claudinho, aos 15 minutos do segundo tempo.

CARTÕES AMARELOS - Morato e Vitinho (Bragantino); Leandro Camilo, Bruno Aguiar, Leandro Leite e Maicon Assis (Brasil-RS).

CARTÃO VERMELHO - Willian Formiga (Brasil-RS).

ÁRBITRO - Paulo Henrique de Melo Salmazio (MS).

RENDA - R$ 42.460,00.

PÚBLICO - 6.161 pagantes.

LOCAL - Estádio Nabi Abi Chedid, em Bragança Paulista (SP).

Estadão
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade