4 eventos ao vivo

Bonamigo exalta vitória no 'Re-Pa do século', mas prega foco ao Remo na reta final da Série C

14 jan 2021
09h11
atualizado às 09h35
  • separator
  • 0
  • comentários
  • separator

Após 13 anos, o Remo voltará a disputar a Série B do Campeonato Brasileiro. O acesso ocorreu justamente com uma vitória em cima do rival Paysandu, em um clássico que ficou marcado para história, já intitulado como "Re-Pa do século". Em meio ao clima de euforia, o técnico do Leão, Paulo Bonamigo, exaltou o feito de seu grupo, mas pregou foco para a reta final da Série C, com o título ainda em disputa.

Em entrevista concedida à Gazeta Esportiva, o treinador destacou que a preparação na véspera do clássico teve foco na parte psicológica dos atletas, considerando o clima de tensão que envolvia o jogo.

"Eu considero fundamental em clássicos, jogos de alta rivalidade, a preparação emocional. Acho que a preparação emocional se torna decisiva, porque estando bem preparado emocionalmente, você vai ter coragem, ousadia, vai arriscar. Você vai respeitar o adversário, mas acima de tudo perseverar em cima daquilo que está sendo proposto dentro do clássico", explicou.

O clássico Re-Pa é caracterizado, principalmente, pelos seus grandes públicos. Nesta temporada, no entanto, a presença da torcida não é possível por conta da pandemia do novo coronavírus. De acordo com Bonamigo, ter as arquibancadas lotadas deixaria o jogo ainda mais especial.

"Eu passei por essa experiência nos anos 2000, jogando dois grandes e históricos clássicos com o Mangueirão completamente lotado. Esse Re-Pa do século mereceria também uma grande torcida. Com os torcedores no estádio tem mais emoções, motivação para os atletas e o nível de qualidade melhora. Seria fantástico", afirmou.

Para que o Remo alcançasse o feito histórico, o técnico destaca que foi necessário um trabalho coletivo, indo da diretoria aos jogadores.

"Quando se consegue um objetivo, acho que existem vários protagonistas. O mentor do planejamento é muito importante, então o presidente, com os seus diretores, que são extremamente competentes, uma comissão técnica dedicada e os atletas comprando a ideia, a proposta de trabalho que está sendo oferecida para eles e acreditando que as coisas podem acontecer. Esse foi um dos fatores que eu considero decisivo. Desde o primeiro jogo eu senti que era um grupo que tinha caráter, com uma vontade de colocar o Remo, gigante que é, no lugar que merece", apontou.

Agora, os jogadores do Remo tentarão seguir fazendo história, brigando pelo título da Série C. Para que a conquista seja viável, a equipe precisa garantir uma vaga na final, jogando a última rodada contra o Londrina, no sábado, às 17h (de Brasília).

"A primeira fase foi de comemoração, agora já temos que começar a pensar e ligar o foco novamente para a parte final da competição. Temos um jogo com o Londrina, que vai ser de alta responsabilidade. A gente tem que atingir o objetivo, mas também temos um sonho maior, que é de todo o grupo e da torcida, de uma conquista maior. Vamos atrás desse sonho", concluiu Bonamigo.

Gazeta Esportiva Gazeta Esportiva
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade