2 eventos ao vivo

Bolívia deve sofrer alterações para o duelo com o Peru, terça-feira, no Maracanã

O técnico Eduardo Villegas quer ter mais opções de jogo para criar jogadas e procurar o gol

16 jun 2019
15h37
  • separator
  • 0
  • comentários

Eduardo Villegas orientou, neste domingo, o primeiro treino da Bolívia em campo após a derrota para o Brasil, por 3 a 0, no Morumbi, na abertura da Copa América. O treinador deve fazer alterações na equipe em busca de agressividade para o duelo contra o Peru, terça-feira, no Maracanã.

Um trabalho tático, se a presença da imprensa, foi realizado no campo da Escola de Educação Física do Exército, no Rio. "Contra o Brasil, nossa maior preocupação foi com a defesa. Diante do Peru, vamos ter que ter opções de jogo para criar jogadas e procurar o gol", afirmou o atacante Ramiro Vaca.

Nas contas de Villegas, os três pontos diante do Peru podem garantir aos bolivianos uma vaga nas quartas de final da competição continental. "Para nós é como uma decisão. Um vitória nos deixa perto da próxima fase."

Para potencializar o setor ofensivo, Villegas deverá colocar alguém para fazer dupla com Marcelo Moreno, que atuou isolado na frente diante do Brasil. Uma das opções do treinador é Leo Vaca. Na lateral direita, Diego Benjarano, que não foi bem na estreia, pode perder a vaga para Saúl Torres, que possui um estilo mais ofensivo.

Depois do duelo com o Peru, a Bolívia encerra sua participação na primeira fase da Copa América, sábado, frente à Venezuela, no Mineirão.

Estadão
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade