0

Atlético-GO se reabilita e deixa o Criciúma em situação ruim na Série B

Equipe goiana tem boa atuação diante do seu torcedor e vence por 3 a 1, no Antônio Accioly

17 mai 2019
22h01
  • separator
  • 0
  • comentários

O Atlético-GO deu a resposta que o torcedor pediu no estádio Antônio Accioly. Depois de perder por 3 a 0 para o Bragantino na semana passada, o time de Wagner Lopes se recuperou dentro de casa e venceu o Criciúma por 3 a 1, nesta sexta-feira, gols de Pedro Raul, Nicolas e Mike, pela Série B do Brasileiro. Com o resultado na abertura da quarta rodada, o clube volta a sonhar com o acesso.

Com duas vitórias, um empate e uma derrota, o Atlético-GO chegou a sete pontos e já mira uma vaga no G4, a zona de acesso. Já o Criciúma, ainda sem vencer, com dois empates e duas derrotas, amarga a zona de rebaixamento, com apenas dois pontos. O técnico Gilson Kleina, muito pressionado pelos maus resultados, corre o risco de ser demitido após a derrota em Goiânia.

Pedro Raul comemora gol na vitória do Atlético-GO sobre o Criciúma
Pedro Raul comemora gol na vitória do Atlético-GO sobre o Criciúma
Foto: Atlético-GO/Reprodução/Twitter / Estadão

Com o gramado molhado e o clima frio em Goiânia, o jogo demorou para engrenar. Nos primeiros 26 minutos, a chance mais perigosa da partida foi uma finalização de longe do lateral Reginaldo, que passou próximo ao gol de Paulo Gianezini. Na inércia, o Atlético-GO passou a controlar a partida.

Aos 33 minutos, Nicolas recebeu sozinho praticamente na pequena área e chutou de primeira, mas o goleiro fez grande defesa. Pouco tempo depois, aos 41, Mike acertou bela jogada individual pela direita, invadiu a grande área e tocou para trás. Pedro Raul dominou e bateu com força, no meio do gol, para abrir o placar em Goiânia.

No início do segundo tempo, com apenas 16 minutos, o Atlético-GO já conseguiu ampliar o placar dentro de casa. Em cobrança de falta da intermediária, Nicolas mandou com muita força. A bola passou no meio da barreira e matou o goleiro Paulo Gianezini, que voou para fazer a defesa, mas não conseguiu evitar o segundo gol.

Ainda dava tempo para mais um gol do Atlético-GO. Bustamante saiu do banco de reservas, chegou na linha de fundo e cruzou rasteiro para Mike completar de carrinho, aos 41 minutos. No fim, aos 45, Léo Gamalho aproveitou um cochilo da marcação e diminuiu para o Criciúma.

Na próxima terça-feira, às 19h15, o Criciúma recebe o Guarani no estádio Heriberto Hulse, pela quinta rodada da Série B. Com uma semana de descanso, o Atlético-GO joga apenas no próximo domingo, no dia 26, às 16 horas, contra o Vitória novamente no estádio Antônio Accioly.

FICHA TÉCNICA

ATLÉTICO-GO 3 X 1 CRICIÚMA

ATLÉTICO-GO - Maurício Kozlinski; Reginaldo, Lucas Rocha, Gilvan e Nicolas; Pedro Bambu, Moacir e Matheus (Bustamante); Gilsinho (Jarro Pedroso), Pedro Raul (Pedrinho) e Mike. Técnico: Wagner Lopes.

CRICIÚMA - Paulo Gianezini; Marcos Vinícius, Sandro, Léo Santos e Marlon; Adilson Goiano, Wesley e Eduardo (Daniel Costa); Andrew (Ceará), Vinícius e Lúcio Flávio (Léo Gamalho). Técnico: Gilson Kleina.

GOLS - Pedro Raul, aos 41 minutos do primeiro tempo. Nicolas, aos 16, Mike, aos 41, e Léo Gamalho, aos 45 minutos do segundo tempo.

ÁRBITRO - Rafael Martins Diniz (DF).

CARTÃO AMARELO - Sandro (Criciúma).

RENDA - R$ 17.775,00.

PÚBLICO - 1.106 pagantes (1.951 total).

LOCAL - Estádio Antônio Accioly, em Goiânia (GO).

Estadão
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade