PUBLICIDADE

África do Sul tem interesse em sediar o Mundial de Clubes da Fifa

Japão desistiu de receber o torneio por causa da pandemia e entidade ainda não se manifestou sobre o local

13 set 2021 21h29
ver comentários
Publicidade

A África do Sul tem interesse em sediar o Mundial de Clubes da Fifa. A competição iria acontecer no Japão em dezembro, mas o país asiático desistiu da organização do torneio por causa da pandemia do coronavírus.

O presidente da Associação Sul-Africana de Futebol, Danny Jordaan, confirmou esta possibilidade nesta segunda-feira. Ele afirmou em entrevista à Associated Press que se encontraria com Fatma Samoura, secretária-geral da Fifa, em Lagos, na Nigéria, para se inteirar dos detalhes da competição.

O Mundial contra com sete equipes, entre elas o Chelsea, atual vencedor da Liga dos Campeões da Europa. O campeão da Libertadores, competição que está na semifinal, também presença garantida. A África do Sul ganharia uma vaga para o ganhador da liga local.

A Fifa ainda não se pronunciou sobre o anfitrião alternativo para o Mundial. A Arábia Saudita também tem interesse em receber o torneio.

A Associação Sul-Africana de Futebol deve obter a aprovação do governo para realizar o torneio e também estão planejadas reuniões com o ministro do Esporte. "Saberemos da nossa posição até o final da semana", disse Danny Jordaan.

A África do Sul tem diversos estádios em condições de receber o Mundial de Clubes por causa da Copa do Mundo de 2010. Só que sua confirmação como sede depende do número de casos e mortes pela covid-19.

O presidente da África do Sul, Cyril Ramaphosa, anunciou uma flexibilização das restrições em todo o país no domingo. O governo também está formulando planos para permitir que os espectadores voltem aos estádios esportivos. Isso seria um impulso para os planos de sediar o Mundial.

Estadão
Publicidade
Publicidade