PUBLICIDADE

A janela de transferências abriu: Yuri Alberto, Fernandinho, Vidal e outros reforçam o Brasileirão

Mais de 20 nomes poderão ser inscritos na competição a partir desta segunda-feira; janela fechará no dia 15 de agosto

22 jul 2022 - 18h04
(atualizado às 18h04)
Ver comentários
Publicidade

A Série A do Campeonato Brasileiro terá pelo menos 23 reforços à disposição com a abertura da janela de transferências internacionais, nesta segunda-feira, caso já tenham seus nomes publicados no Boletim Informativo Diário (BID) da CBF. Os principais nomes vindos do exterior são o centroavante Yuri Alberto e o zagueiro Fabián Balbuena, do Corinthians, o meia chileno Arturo Vidal e o atacante Everton Cebolinha, do Flamengo, e o volante Fernandinho, do Athletico-PR. Quem mais contratou foi o lanterna Fortaleza (5), que luta desesperadamente contra o rebaixamento. A janela fechará no dia 15 de agosto.

Emprestado pelo Zenit, da Rússia, Yuri Alberto foi apresentado com grande festa na Neo Química Arena em treino aberto à torcida após a classificação às quartas de final da Libertadores. Depois de enorme queima de fogos e fumaceiro, o jogador pisou no gramado. Com o hino sendo tocado, Yuri Alberto vestiu o novo uniforme e ainda fez embaixadinhas antes de chutar a bola às arquibancadas. Ele será um reforço importante para as quartas de final da Libertadores, contra o Flamengo.

"Fico muito contente com a recepção da torcida. Pude sentir o que é o Corinthians. Espero poder entregar o meu melhor dentro de campo", disse o atacante revelado no Santos.

Outros times brasileiros envolvidos na competição sul-americana também anunciaram contratações. O experiente Fernandinho deixou o Manchester City e retornou ao Athletico-PR. O Flamengo trouxe o chileno Vidal, da Inter de Milão, e Everton Cebolinha, do Benfica, para encorpar o elenco. Já o Palmeiras fechou com dois atacantes: o uruguaio Miguel Merentiel e o argentino Flaco López.

Quem mais contratou foi o Fortaleza, que foi atrás de cinco reforços para escapar do rebaixamento no Brasileirão. Em situação delicada, a equipe cearense está a sete pontos de deixar o Z-4 e tem missão complicada para evitar o descenso. Fabrício Baiano, Lucas Sasha, Thiago Galhardo, Romulo Otero e Emanuel Brítez vão reforçar a equipe do técnico Juan Pablo Vojvoda.

Dos contratados dos cinco clubes brasileiros classificados às quartas da Libertadores, o único que terá problemas para atuar na competição é o argentino Pavón. O reforço do Atlético-MG tem a cumprir uma pena da Conmebol de seis jogos após uma confusão, no Mineirão, na Libertadores do ano passado, e pode ficar sem reforçar a equipe mineira na competição.

As regras das janelas de transferências vão se aplicar apenas aos clubes das Séries A e B do Campeonato Brasileiro e se restringem ao futebol masculino. A CBF estuda ampliar o alcance das janelas para as demais séries e para o futebol feminino a partir de 2023. Além do Brasileirão, a Série B também terá reforços importantes para a sequência da temporada. Nomes de peso como o volante Lucas Leiva, no Grêmio, e o atacante Alex Teixeira, no Vasco, também estarão à disposição das equipes a partir desta segunda-feira. As duas equipes estão no G-4 da competição.

Os reforços do Brasileirão na janela de transferências internacionais

Athletico-PR - Fernandinho.

Atlético-MG - Pavón, Pedrinho, Jemerson e Alan Kardec.

Botafogo - Carlos Eduardo, Marçal.

Ceará - Jhon Vásquez, Diego Rigonato.

Corinthians - Yuri Alberto e Fabián Balbuena.

Coritiba - Gabriel.

Flamengo - Arturo Vidal e Everton Cebolinha.

Fluminense - Marrony.

Fortaleza - Fabrício Baiano, Lucas Sasha, Thiago Galhardo, Romulo Otero e Emanuel Brítez.

Palmeiras - Miguel Merentiel e Flaco López.

São Paulo - Marcos Guilherme.

Estadão
Publicidade
Publicidade