PUBLICIDADE
Logo do Fluminense

Fluminense

Favoritar Time

Fernando Diniz é demitido do Fluminense após série de derrotas no Brasileirão

Técnico campeão da Libertadores com o time carioca não resiste aos maus resultados na competição e deixa comando da equipe nesta segunda-feira

24 jun 2024 - 14h05
(atualizado às 18h03)
Compartilhar
Exibir comentários

Fernando Diniz não é mais técnico do Fluminense. Campeão da Libertadores com o tricolor carioca no ano passado, o profissional não resistiu aos maus resultados no Campeonato Brasileiro e deixou o comando da equipe, que está na lanterna da competição, com apenas 6 pontos em 33 disputados.

"Diniz deixa como legado desta sua passagem não somente alguns dos títulos mais importantes da história de nosso clube, conquistados em 2023 e 2024, mas também o legado de um trabalho muito bem-sucedido em sua primeira etapa de sua atual passagem, ensinamentos importantes sobre sua maneira de entender o futebol e uma visão humanística que no todo trazem enorme contribuição a este esporte", diz o Fluminense, em nota oficial.

Marcão, auxiliar-técnico permanente do clube, vai dirigir a equipe contra o Vitória, na quinta-feira, no Maracanã, pela 12ª rodada do Brasileiro. O Fluminense ressaltou na nota divulgada que "precisa de todo apoio do torcedor". "Este é um momento que pede união de todos em torno do objetivo maior de retomarmos o caminho das vitórias", afirma a nota.

Aos 50 anos, Fernando Diniz chegou ao Fluminense em abril de 2022 e dirigiu o time em 149 jogos, com 77 vitórias, 31 empates e 41 derrotas. Além da inédita Libertadores, Diniz conquistou neste ano Recopa Sul-Americana, e o Carioca de 2023. No período em que comandou o time das Laranjeiras, Diniz acumulou o cargo de técnico da seleção brasileira. Foram apenas seis jogos pela equipe da CBF, com duas vitórias, um empate e três derrotas.

Apesar da lanterna do Brasileiro, o Fluminense está nas oitavas de final da Copa do Brasil e da Libertadores. Na competição sul-americana, o time enfrenta o Grêmio, com a primeira partida marcada para o dia 13 de agosto, com mando do clube gaúcho.

Estadão
Compartilhar
Publicidade
Seu Terra












Publicidade