PUBLICIDADE
Logo do

Fluminense

Meu time

De olho no G6, Fluminense aposta no aproveitamento em casa para driblar retrospecto contra o Palmeiras

Fluminense venceu apenas 36 de 115 partidas disputadas contra o Palmeiras, mas conta com mais triunfos do que derrotas no Maracanã

14 nov 2021 06h29
ver comentários
Publicidade

Neste domingo, o Fluminense recebe o Palmeiras no Maracanã para mais um desafio no Campeonato Brasileiro. Ainda na briga para entrar no G6, zona de classificação automática para a Libertadores, o Tricolor precisa superar a sequência negativa, desfalques importantes e o retrospecto desfavorável do confronto. Para isso, o time de Marcão pode contar com a vantagem que tem em casa sobre o adversário.

Fluminense saiu derrotado do Allianz Parque por 1 a 0 no primeiro turno do Brasileiro (Cesar Greco / Palmeiras)
Fluminense saiu derrotado do Allianz Parque por 1 a 0 no primeiro turno do Brasileiro (Cesar Greco / Palmeiras)
Foto: Lance!

Em toda a história, Fluminense e Palmeiras se enfrentaram 115 vezes. Destas, o carioca só venceu 36 partidas, enquanto amargou 11 empates e 62 derrotas. No Allianz Parque, foram 41 derrotas e seis empates com o Verdão. Porém, quando o assunto é Maracanã, os números ficam mais equilibrados: o Flu acumula 25 vitórias, 11 empates e 21 derrotas.

Na última vez que as equipes duelaram no Maracanã, pelo Brasileiro 2020, o jogo terminou em empate por 1 a 1, com gols de Evanilson e Luiz Adriano. Nesta temporada, o Tricolor saiu derrotado por 1 a 0, com um gol contra de Manoel. O resultado serviu para consolidar as sete vitórias consecutivas do Palmeiras, em sua maior sequência de invencibilidade deste Brasileiro, enquanto o Fluminense tentava estabilizar os resultados.

No segundo turno, a situação é semelhante. Nas cinco rodadas anteriores, o Flu somou apenas seis pontos ao vencer o Flamengo e o Sport. Em contrapartida, o Palmeiras vem embalado por seis vitórias e pode atingir a marca do primeiro turno contra o Fluminense mais uma vez. Na reta final do campeonato, o time paulista busca diminuir a distância para o líder, o Atlético-MG, ao passo em que o carioca pretende se reaproximar do G6 para confirmar a classificação para o torneio continental.

Embora o confronto exija força total, Marcão tem outro obstáculo para sair com o triunfo. O técnico irá precisar suprir a ausência de Nino, que cumpre suspensão após terceiro cartão amarelo, e Luiz Henrique, que está com uma sobrecarga muscular na coxa esquerda. Como se a perda de dois titulares já não fosse o suficiente, o Moleque de Xerém é o artilheiro do Flu no Brasileiro, com quatro gols e duas assistências. No entanto, Gabriel Teixeira deve retornar após cumprir o período de transição.

Desta forma, o Tricolor se prepara para um dos confrontos mais importantes da competição. Ainda em condições de alcançar Internacional e Corinthians, na sétima e sexta colocações respectivamente, o Fluminense inicia uma corrida contra o tempo para recuperar os pontos perdidos e conquistar o principal objetivo do ano. Após a derrota para o Grêmio, as chances de conseguir a vaga caíram para 12%, de acordo com o Departamento de Matemática da UFMG.

Contudo, o Time de Guerreiros conta com a situação a seu favor. Com o retorno do público aos estádios, jogar em casa voltou a ser uma vantagem expressiva, em especial após a flexibilização da comercialização dos ingressos no Rio de Janeiro. Além disso, a equipe só perdeu três vezes no Maracanã neste Brasileiro e é a sétima melhor mandante da competição. Assim, o Fluminense tem potencial para entrar em campo de cabeça erguida e sair um passo mais próximo da Libertadores.

Na oitava colocação, o time acumula 42 pontos, em 11 vitórias, nove empates e 11 derrotas. O Fluminense enfrenta o Palmeiras às 18h15, no Maracanã, em jogo válido pela 32ª rodada do Campeonato Brasileiro. A partida será transmitida pelo Premiere e Tempo Real do LANCE!

*Estagiária sob a supervisão de Paulo Victor Reis

Lance!
Publicidade
Publicidade