0

Vitinho diz que broncas de Jorge Jesus são piores no vestiário do Flamengo

Atacante revela parte dos bastidores do time campeão brasileiro e da Libertadores

28 nov 2019
21h26
atualizado às 21h26
  • separator
  • 0
  • comentários

Autor do último gol do Flamengo na vitória sobre o Ceará, na quarta-feira, o atacante Vitinho afirmou nesta quinta que as famosas broncas do técnico Jorge Jesus são ainda piores dentro do vestiário. Com seu jeito "intenso" de ser, o badalado treinador comandou a equipe rumo aos títulos da Copa Libertadores e do Brasileirão.

"(No campo) As broncas são em um tom mais leve, no vestiário o bicho pega mais", revelou o jogador, em entrevista ao canal Sportv. "A gente entende essa intensidade dele e que ele só quer o nosso bem. Ele é um cara que vive muito o futebol no dia a dia, vibra muito e acaba reagindo desta maneira."

O jogador, contudo, garante que a relação do elenco com o treinador é a melhor possível. "Em algumas circunstâncias a gente tenta dialogar com ele sobre o que aconteceu e sobre qual era nosso pensamento, mas ele está sempre tentando nos dar um incentivo", declarou o atacante, autor do quarto e último gol do Flamengo sobre o Ceará.

Questionado sobre a disputa no ataque rubro-negro, Vitinho afirmou que os jogadores, principalmente Gabriel e Bruno Henrique, cultivam boa relação, apesar da disputa pela artilharia do Brasileirão. Gabigol tem 22 gols, contra 21 do companheiro de equipe.

"Eles são bem tranquilos em relação a isso, nosso grupo não tem vaidade de quem vai fazer o gol. Quando o Bruno Henrique faz o gol, o Gabriel comemora e quando o Gabriel faz o gol, o Bruno comemora", declarou Vitinho.

Estadão
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade