PUBLICIDADE
Logo do

Flamengo

Meu time

Braz prega calma e não descarta tentativa por Jorge Jesus: "É uma opção"

5 dez 2021 15h33
| atualizado às 15h57
ver comentários
Publicidade

Com calma para não errar e utilizando o tempo como aliado, o Flamengo vai intensificar a busca por um novo técnico. O clube carioca espera os dois últimos compromissos pelo Brasileiro para focar na missão de contratar um novo treinador.

Com a vitória nas urnas de Rodolfo Landim, reeleito para o triênio 2022/2023/2024, Marcos Braz continua à frente do futebol do Flamengo. O vice-presidente da pasta falou sobre a procura por técnico.

"O Flamengo ainda tem dois compromissos no Brasileiro. Muito provavelmente somente após esses dois jogos é que a gente vai começar… começar, não. É claro que a gente tem contato no mercado, conhece bastante gente. A gente vai vendo quem tem mais condição, quem poderia vir para cá nesse momento. Mas com calma, com tranquilidade. Se tem um momento em que a gente tem um pouco mais de tranquilidade é agora, a gente vai usar esse tempo", declarou Braz.

O dirigente colocou Jorge Jesus, campeão da Libertadores e Brasileiro com o Flamengo, como opção.

"O Jorge tem contrato em vigência, tem dois compromissos importantíssimos nesses próximos 20 dias. É uma temeridade eu chegar e falar de Jorge Jesus até pela situação dele no Benfica nesse momento. Ele é um técnico que deu certo no Flamengo, é um técnico que a torcida e ele têm bastante conexão, até porque ganhou muito aqui. Vamos dar tempo ao tempo. Sem estar na inércia, mas com calma. A gente vai ter um técnico com uma comissão técnica para, em 2022, a gente poder retomar os títulos. (Jorge Jesus) não é um plano, é uma opção", afirmou Marcos Braz.

O dirigente do Flamengo evitou se aprofundar sobre o interesse em Carlos Carvalhal, técnico do Braga, de Portugal. Ele é um dos nomes na mira rubro-negra. Braz declarou que não procurou o técnico neste momento, que o contato com ele foi feito há um ano.

Gazeta Esportiva Gazeta Esportiva
Publicidade
Publicidade