PUBLICIDADE
Logo do

Flamengo

Meu time

Após recusa do Flamengo, clube inglês volta à carga e prepara nova oferta por Rodrigo Muniz

A pedido do técnico Marco Silva, Fulham mantém interesse e deve formalizar proposta por empréstimo com obrigação de compra. Valores podem chegar a R$55 milhões

26 jul 2021 19h46
| atualizado às 19h58
ver comentários
Publicidade

Após ter a primeira proposta recusada pelo Flamengo, o Fulham não desistiu da contratação de Rodrigo Muniz. A pedido do técnico Marco Silva, o clube inglês segue interessado em contar com o futebol do atacante para a próxima temporada e deve apresentar nova proposta à diretoria rubro-negra nos próximos dias. A informação inicial é do jornal "O Dia".

Rodrigo Muniz é alvo de interesse do Fulham (Foto: Marcelo Cortes/Flamengo)
Rodrigo Muniz é alvo de interesse do Fulham (Foto: Marcelo Cortes/Flamengo)
Foto: Lance!

A principal diferença entre as ofertas está nos moldes da transferência. A oferta inicial, feita na última semana, foi de 1 milhão de euros (cerca de R$ 6 milhões), pelo empréstimo de 12 meses, com opção de compra estipulada em 9 milhões de euros, (R$ 55 milhões), por 100% dos direitos econômicos. O Flamengo rejeitou por preferir uma negociação em definitivo.

A próxima oferta deve manter números parecidos, mas com uma cláusula de obrigação de compra caso metas sejam alcançadas. De acordo com a reportagem, o projeto do Fulham agradou o staff de Muniz, e o clube ingês está disposto a desembolsar 9 milhões de euros (cerca R$ 55 milhões) por 100% dos direitos econômicos do jovem.

Essa estratégia de empréstimo com obrigação de compra tem sido comum no mundo do futebol e serve para driblar o "fair play" financeiro. Em vez de desembolsar o valor nesta temporada, o clube consegue adiar o gasto para o ano seguinte. Transferências recentes, como Pablo Marí ao Arsenal e Natan ao RB Bragantino, foram feitas nesses moldes.

Cabe lembrar que há outros clubes da Europa e do Oriente Médio que já ofereceram propostas ou consultaram os interessados a fim de contratar Rodrigo Muniz. No início do mês, o Flamengo chegou a rejeitar uma proposta do Atlético de Madrid, pois os valores estavam abaixo do mínimo pedido para negociar o centroavante, que é 8 milhões de euros.

Com contrato até maio de 2024, Muniz possui multa rescisória de 50 milhões de euros para o mercado internacional. Após aproveitar as chances e se destacar em junho, jovem atacante voltou a ser terceira opção no elenco, atrás de Gabigol e Pedro.

Lance!
Publicidade
Publicidade