PUBLICIDADE
Logo do

Flamengo

Favoritar Time

A 10 dias do fim da janela, Flamengo tem saldo positivo e prega paciência em últimas tratativas

Clube já anunciou quatro reforços e tem acordo encaminhado com Oscar. Walace também segue na mira, mas definição só ocorrerá próximo ao dia 15 de agosto

5 ago 2022 - 08h26
(atualizado às 09h42)
Ver comentários
Publicidade
Vidal foi um dos reforços anunciados pelo Flamengo na janela (Foto: Marcelo Cortes/Flamengo)
Vidal foi um dos reforços anunciados pelo Flamengo na janela (Foto: Marcelo Cortes/Flamengo)
Foto: Lance!

Em um mercado de transferências agitado, o Flamengo abriu os cofres para reforçar o elenco e ainda não se dá por satisfeito. A 10 dias do fim da janela, marcado para 15 de agosto, a diretoria rubro-negra segue ativa e adota uma estratégia de paciência para ter final feliz nas últimas tratativas.

Até o momento, o Flamengo anunciou quatro reforços na janela - todos provenientes do futebol europeu. Everton Cebolinha e Vidal foram os primeiros e já estão jogando. Já Erick Pulgar e Guillermo Varela chegaram depois, mas já foram integrados ao grupo e vivem a expectativa da estreia com a camisa rubro-negra.

A avaliação é que o clube conseguiu encorpar o elenco e repor à altura as saídas de Willian Arão e Andreas Pereira. No total, o Fla desembolsou R$ 87 milhões na compra de direitos econômicos - 72 milhões com Cebolinha e 15 milhões com Pulgar. Vidal estava livre no mercado e Varela assinou por empréstimo até maio de 2023.

- Trouxemos o Cebolinha, que é de seleção. Trouxemos o Vidal, que dispensa comentários, o Pulgar e o Varela, que jogou Copa do Mundo e que está numa idade maravilhosa - avaliou Marcos Braz, vice-presidente do Flamengo.

Varela e Pulgar em ação no Ninho (Foto: Marcelo Cortes/Flamengo)
Varela e Pulgar em ação no Ninho (Foto: Marcelo Cortes/Flamengo)
Foto: Lance!

ESTRATÉGIA POR OSCAR E WALACE

Paciência e cautela. Essas são as palavras de ordem entre os dirigentes do Flamengo na busca por novos reforços de peso ainda nesta janela. Com o fim das inscrições na Copa do Brasil e nas quartas de final da Libertadores, o clube deixou a pressa de lado e joga com o tempo para ter um desfecho feliz no dia 15 de agosto.

Em situações bem diferentes, Oscar e Walace são os nomes que estão na mira do Flamengo e precisam ter a situação definida até a data limite para registro de jogadores no Brasil.

O caso de Oscar é mais simples e está próximo de resolução. O meia deseja atuar no Flamengo e aguarda apenas a liberação do Shanghai Port para assinar por empréstimo até novembro. Como parte da postura cautelosa, o clube rubro-negro nega publicamente o acordo com o jogador, mas confia em solução até o fim de semana.

Walace ainda está na mira do Flamengo (Foto: Lucas Figueiredo/CBF)
Walace ainda está na mira do Flamengo (Foto: Lucas Figueiredo/CBF)
Foto: Lance!

- O Flamengo vai aguardar até onde se achar confortável e possível para que se tenha a liberação, para que possamos definir a contratação. Ainda não tem nada, o jogador nem sequer tem a liberação para treinar. A gente espera que dentro do mais próximo possível a gente resolva isso para que a gente possa tentar a contratação de um jogador que também dispensa comentários - disse Marcos Braz.

Assim como Oscar, Walace tem bases salariais acertadas com o Flamengo, mas depende da liberação do clube de origem. No caso dele, a Udinese faz jogo duro e pede alto valor para vender o volante (cerca de 8 milhões de euros). Após a chegada de Pulgar, o Fla adotou a calma e espera que os italianos flexibilizem a pedida conforme a janela caminha para o final.

- A gente tinha um interesse maior no começo da janela, não foi possível. Agora, a gente vai observar as 72 horas finais da janela - afirmou Braz, também nesta quinta-feira.

Ativo na reta final de janela, o Flamengo poderá inscrever novos reforços para a disputa do Brasileirão e de eventuais semifinais da Libertadores. A equipe venceu o Corinthians por 2 a 0 no jogo de ida das quartas e tentará confirmar a vaga na próxima terça-feira, no Maracanã.

Lance!
Publicidade
Publicidade