3 eventos ao vivo

Fifa anuncia Mundial de Clubes nos moldes da Copa

Torneio será disputado a cada quatro anos, por 24 times

15 mar 2019
15h40
atualizado às 16h13
  • separator
  • comentários

Apesar da oposição de equipes da Europa, a Fifa anunciou nesta sexta-feira (15) um novo Mundial de Clubes nos moldes da Copa do Mundo, confirmando os rumores sobre o desejo de alterar o sistema de disputa da competição.

O presidente da Fifa, Gianni Infantino, apresenta o novo Mundial de Clubes
O presidente da Fifa, Gianni Infantino, apresenta o novo Mundial de Clubes
Foto: EPA / Ansa - Brasil

Segundo a entidade, o torneio será realizado a cada quatro anos, com a primeira edição em junho de 2021, e terá 24 times, com distribuição ainda indefinida. Os critérios de classificação serão determinados por cada confederação.

A Fifa já tentava mudar o Mundial de Clubes havia anos, devido ao baixo retorno econômico do torneio e à falta de interesse dos europeus. A competição ocupará o espaço deixado pela Copa das Confederações.

De acordo com o presidente da Fifa, Gianni Infantino, o Mundial será uma competição "de prestígio". Antes disso, no entanto, a Associação Europeia de Clubes (ECA), que reúne os principais times da Uefa, havia publicado uma carta prometendo boicotar o torneio. A ECA exige que a nova competição aconteça apenas a partir de 2024, mediante uma mudança profunda no calendário internacional.

O Mundial da Fifa continuará a ser disputado nos moldes atuais até 2020. Copa de 2022 - O Conselho da Fifa também autorizou a ampliação da Copa do Mundo do Catar, em 2022, de 32 para 48 seleções, número que só começaria a valer em 2026. A alteração é um desejo de Infantino, mas ainda será discutida no Congresso da Fifa, em junho.

Se a mudança for de fato implantada, é possível que outros países se juntem ao Catar como sede, mas o emirado enfrenta um boicote de outras nações árabes da região.

Ansa - Brasil   

compartilhe

comente

  • comentários
publicidade