9 eventos ao vivo

Ex-campeão de boxe, Mayweather pagará funeral de Floyd

Hoje, a Fifa se manifestou sobre os atos em prol do homem negro

2 jun 2020
18h14
atualizado às 18h41
  • separator
  • 0
  • comentários
  • separator

O ex-campeão de boxe Floyd Mayweather pagará as despesas do funeral de George Floyd, morto asfixiado por um policial branco em Minneapolis, informou o diretor-executivo da Mayweather Promotions, Leonard Ellerbe, à emissora ESPN nesta terça-feira (2).

Floyd durante competição em 2015
Floyd durante competição em 2015
Foto: ANSA / Ansa - Brasil

De acordo com Ben Crump, advogado da família do homem afro-americano de 46 anos, que foi imobilizado pelo agente Derek Chauvin, a celebração fúnebre será realizada no dia 9 de junho, em Houston, cidade natal da vítima.

"Ele provavelmente vai ficar bravo comigo por dizer isso, mas sim, (Mayweather) vai mesmo pagar o funeral", confirmou Ellerbe.

Segundo o diretor-executivo, o ex-campeão mundial de boxe manteve contato com a família de Floyd, que aceitou a oferta.

Esta não é a primeira vez que isso acontece com Mayweather. Em 2011, conforme recorda a ESPN, ele se ofereceu para custear as despesas do funeral do ex-boxeador Genaro Hernandez, que morreu de câncer aos 45 anos. "Mayweather tem feito este tipo de coisa nos últimos 20 anos", acrescentou Ellerbe.

Fifa -

A morte do homem negro foi gravada em vídeo e gerou a maior série de protestos nos Estados Unidos das últimas décadas. Inclusive, as manifestações de jogadores de futebol e clubes em todo o mundo levaram a Federação Internacional de Futebol (Fifa) a se manifestar em defesa dos atos de solidariedade.

A entidade pediu "bom senso" na aplicação de possíveis punições a jogadores ou clubes que homenageiem o norte-americano durante partidas.

Veja também:

Saiba o destino dos "Novos Pelés" do futebol
Ansa - Brasil   
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade