PUBLICIDADE
Logo do

Cruzeiro

Meu time

Jogadores do Cruzeiro anunciam fim da greve e volta aos treinos

Em comunicado divulgado nas redes sociais, jogadores comunicaram volta às atividades mesmo sem resolução dos atrasos salariais

16 out 2021 23h42
| atualizado às 23h42
ver comentários
Publicidade

Os jogadores do Cruzeiro informaram em suas redes sociais que decidiram pôr fim à greve iniciada na quarta-feira, 13, e voltar aos treinos a partir deste domingo, 17.

Em comunicado divulgado, os atletas ressaltam que não houve qualquer acordo com o clube, mas que o presidente do clube, Sérgio Santos Rodrigues, se comprometeu com uma reunião na segunda-feira, 18, para tratar dos atrasos salariais.

"Aguardaremos a resolução e não somente promessas. Temos hombridade e profissionalismo e diante da preocupação em não prejudicar essa instituição, voltaremos aos treinos", escreveram na nota.

Apesar da volta aos treinos, os jogadores prometem continuar lutando pelos funcionários do clube que também sofrem com os atrasos e que querem "a resolução dos atrasos salariais imediatamente".

Na 11ª posição da Série B, o Cruzeiro tem poucas chances de voltar à elite na próxima temporada. Em meio a várias reclamações dos jogadores, o técnico Vanderlei Luxemburgo tenta mediar a relação com a diretoria cruzeirense. Os pagamentos em aberto incluem as últimas duas folhas salariais, férias, 13º salário e FGTS. Há um mês, a dívida da folha de setembro foi quitada parcialmente.

A situação não é nova e envolve outros setores do Cruzeiro. Na semana passada, atletas do sub-20 não treinaram por conta dos problemas financeiros. O futebol feminino e o administrativo da instituição também sofrem com débitos salariais. No ano passado, a equipe principal já cobrava o pagamento dos salários atrasados e, por isso, se recusou a concentrar antes de um jogo da Série B, contra o Oeste.

Confira a nota na íntegra:

Estadão
Publicidade
Publicidade