2 eventos ao vivo

Arthur Caíke detalha situação física e explica como Cruzeiro deve encarar a Série B

13 ago 2020
18h34
atualizado às 18h34
  • separator
  • 0
  • comentários
  • separator

Novo reforço do Cruzeiro, o atacante Arthur Caíke foi apresentado nesta quinta-feira. O jogador chega a pedido do técnico Enderson Moreira por empréstimo do Al-Shabab, da Arábia Saudita, até o final da Série B.

Na coletiva de apresentação, Arthur deu mais detalhes sobre sua situação física, já que não faz treinamentos com bola há cerca de um mês. Por conta disso, o próprio treinador celeste destacou que sua estreia não será tão cedo.

Arthur Caíke já treinou com a camisa do Cruzeiro

"Desde que o meu empréstimo para o Bahia acabou, eu mantive as atividades. Depois que acabou meu contrato, fiquei treinando por 15 dias com um personal a parte de fortalecimento, que eu já fazia no clube. Mais tarde, quando fui para Curitiba, onde eu moro, comecei a trabalhar a parte de força", declarou o atacante.

"A gente sempre tem a ansiedade de já querer jogar, mas pretendo me preparar bem para evitar qualquer tipo de lesão. Prefiro perder um jogo agora que arriscar ir para uma partida e ficar fora por um, dois ou três meses. Então quero me preparar bem para fazer meu melhor quando entrar em campo", completou.

Arthur Caíke também comentou sobre as dificuldades de disputar a Série B. Segundo o jogador, a Raposa não pode se acomodar na competição e dar o máximo em cada uma das partidas para alcançar seu objetivo de retornar à elite.

"Eu já joguei três Série B. A gente não pode chegar nos jogos pensando que vai ser fácil pelo Cruzeiro ser um time grande. Porque é uma competição bem disputada, com grandes jogadores. Então não podemos nos acomodar e sempre procurar dar o máximo para vencer as partidas", finalizou.

Gazeta Esportiva Gazeta Esportiva
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade