PUBLICIDADE
Logo do

Corinthians

Favoritar Time

Vítor Pereira mistura revezamento entre laterais-esquerdos no Corinthians

Mesmo com jogo decisivo da Libertadores na terça-feira (28), Fábio Santos foi titular contra o Santos, pelo Brasileirão, no sábado (25)

26 jun 2022 - 08h25
(atualizado às 10h49)
Ver comentários

Desde o início da temporada, a lateral-esquerda do Corinthians passa pelo revezamento entre Fábio Santos e Lucas Piton. Mas é o primeiro que tem jogado as partidas da Libertadores.

Fábio Santos e Lucas Piton fazem transição de gerações na lateral corintiana (Foto: Rodrigo Coca/Ag. Corinthians)
Fábio Santos e Lucas Piton fazem transição de gerações na lateral corintiana (Foto: Rodrigo Coca/Ag. Corinthians)
Foto: Lance!

Aos 36 anos, Fábio está em reta final de carreira e, aos poucos, está passando o bastão à Piton. No entanto, o atleta de 36 anos foi titular no clássico contra o Santos, no último sábado (25), pelo Campeonato Brasileiro, três dias antes do Timão encarar o Boca Juniors-ARG, pelo jogo da ida das oitavas de final da Liberta.

A escolha gerou dúvidas sobre a estratégia do técnico Vítor Pereira para o meio de semana, já que o treinador teve Lucas Piton à disposição contra o Peixe, e até mesmo Bruno Melo, que é a terceira opção na ala esquerda, ficou no banco de reservas.

Na temporada, Fábio Santos só começou jogando duas partidas seguidas em duas ocasiões, contra Boca Juniors e São Paulo, nos dias 17 e 22 de maio, e América-MG e Atlético-GO, no dia 29 de maio e 4 de junho, respectivamente.

Entre esses jogos houve apenas o hiato do empate com o Always Ready, da Bolívia, pela última rodada da fase de grupos da Libertadores, quando Fábio ficou no banco de reservas e não entrou. Esse foi o único compromisso deste edição da competição continental que o camisa 26 não entrou em campo, até aqui. Mas, na ocasião, o Corinthians jogou com um time misto, pois já estava classificado às oitavas.

Portanto, se for para Vítor Pereira manter a opção de colocar Fábio Santos nos jogos importantes da Libertadores, o treinador terá que escalar o lateral como titular em dois jogos seguidos novamente, o que tem sido pouco comum neste ano.

- Não tem sido o normal dele fazer isso (colocar dois jogos seguidos). Os únicos dois jogos seguidos foram contra o Boca, lá na Argentina, e contra o São Paulo. Mas, a gente tem feito esse rodízio, eu e o Píton, às vezes o Bruno. Não falei com o Vítor Pereira, não sei o que ele está programando terça-feira e vou me preparar para estar à disposição para jogar ou entrar no decorrer - disse Fábio na zona mista após o empate sem gols contra o Santos, pelo Brasileirão.

Na entrevista coletiva após o empate contra o Santos, o técnico português disse que já estava com a cabeça no Boca Juniors.

- É natural, o Vítor Pereira sabe a importância da Libertadores e a grandeza dos nossos adversários. Já começou agora a preparação no jogo contra o Santos. Não dá para comemorar muito porque depois do jogo aparece outra batalha, então a gente tem que descansar e concentrar para fazer um grande jogo na terça - ressaltou Fábio Santos.

Nesta temporada, Fábio Santos tem 18 jogos disputados, sendo que somente em dois não foi titular. Já Lucas Piton tem 28 partidas, tendo começado 21.

Lance!
Publicidade
Publicidade