0

Triunfo contra Furacão impede Corinthians de igualar pior sequência negativa no ano

21 mai 2019
06h11
atualizado às 08h35
  • separator
  • comentários

A vitória contra o Athletico-PR foi fundamental ao Corinthians. Ainda que, mais uma vez, o placar tenha salvado a atuação dos comandados de Fábio Carille, os três pontos conquistados na Arena da Baixada significaram mais do que um salto de quatro posições na tabela de classificação - há de se levar em conta o fator psicológico.

O triunfo fora de casa impediu que o Timão igualasse sua pior sequência sem vitórias no ano. Antes do duelo do último domingo, o time paulista vinha de empates para Vasco (1 a 1) e Grêmio (0 a 0) pelo Brasileirão, além de derrota para o Flamengo, por 1 a 0, pela Copa do Brasil.

Entre 3 e 17 de abril, a equipe de Itaquera passou quatro jogos sem saber o que era vitória. No período, os comandados de Fábio Carille enfrentaram Ceará (Copa do Brasil), Santos (Paulistão), São Paulo (Paulistão) e Chapecoense (Copa do Brasil).

Diante do Ceará, o Timão perdeu por 1 a 0 na partida de volta da terceira fase da Copa do Brasil, em Itaquera, mas ainda assim saiu com a classificação. No jogo seguinte, no Pacaembu, o clube enfrentou o Santos pelo segundo embate das semifinais do Paulistão e, após sofrer o revés no tempo normal, conseguiu o avanço para a decisão nas penalidades máximas.

Contra o São Paulo, o time de Carille empatou por 0 a 0 no Morumbi no primeiro confronto da final do Estadual e, por fim, perdeu na sequência para a Chapecoense por 1 a 0, na Arena Condá, pela quarta fase da Copa do Brasil.

A série negativa chegou ao fim em grande estilo. No dia 21 de abril, em Itaquera, o Corinthians fez 2 a 1 para cima do São Paulo e conquistou seu 30º Campeonato Paulista, o terceiro de maneira consecutiva.

Gazeta Esportiva Gazeta Esportiva

compartilhe

comente

  • comentários
publicidade