PUBLICIDADE
Logo do

Corinthians

Meu time

Time italiano aciona o Corinthians na Fifa por conta de Danilo Avelar

Torino cobra o Timão por ausência do pagamento da contratação do defensor

30 nov 2021 20h41
| atualizado às 21h33
ver comentários
Publicidade

O Torino, da Itália, acionou o Corinthians na Fifa alegando dívida do Timão por conta da contratação em definitivo de Danilo Avelar, em 2019.

Danilo Avelar não atua de forma oficial há mais de um ano (Foto: Rodrigo Coca/Ag. Corinthians)
Danilo Avelar não atua de forma oficial há mais de um ano (Foto: Rodrigo Coca/Ag. Corinthians)
Foto: Lance!

O clube europeu alega que os corintianos devem a segunda parcela referente à compra. O valor original é 750 mil euros (R$ 4,7 milhões na cotação atual), mas com os juros ultrapassa R$ 5 milhões. A informação foi dada inicialmente pelo portal "Meu Timão".

Desde junho deste ano Danilo Avelar está fora dos planos do Corinthians. O jogador que desde outubro do ano passado se recupera de uma lesão ligamentar no joelho, se envolveu em um episódio de injúria racial enquanto participava de um jogo online e o clube se posicionou favorável ao desligamento do atleta, que, por sua vez, teve que permanecer na equipe para tratar a lesão. O contrato do zagueiro e lateral-esquerdo com o Timão tem validade até o dia 31 de dezembro de 2022.

O atleta chegou ao Parque São Jorge no segundo semestre de 2018, inicialmente por empréstimo pelo Torino, no ano seguinte o Corinthians firmou o negócio em definitivo por 1,5 milhão de euros divididos em duas parcelas. A primeira foi paga com atraso, no início deste ano.

Essa é a terceira ação contra o Corinthians na Fifa, que viu no último fim de semana o Estoril, de Portugal, cobrar 1,3 milhões de euros (R$ 8,6 mi atualmente) referente a aquisição do meia Matheus Jesus. O atacante Mauro Boselli, que deixou o Timão no ano passado, também acionou a equipe alvinegra em 1 milhão de euros (R$ 6 mi), alegando salários atrasados.

Caso condenado, o Corinthians pode ficar congelado de registrar novos atletas até o acerto das dívidas ou até mesmo punido com a perda de pontos em competições nacionais.

Lance!
Publicidade
Publicidade