3 eventos ao vivo

Pedro Henrique defende Tiago Nunes e revela data para retorno do elenco do Corinthians

21 abr 2020
16h47
atualizado às 16h47
  • separator
  • 0
  • comentários
  • separator

O Corinthians contratou Tiago Nunes para mudar o estilo de jogo do clube e aliar as conquistas com um futebol mais ofensivo. Os resultados e o desempenho antes da paralisação das atividades, entretanto, passou longe de agradar a Fiel. Ainda assim, nesta terça-feira, o zagueiro Pedro Henrique defendeu o treinador e falou das dificuldades neste início de temporada.

Em entrevista ao programa Donos da Bola, da TV Bandeirantes, o zagueiro atenuou as responsabilidades do treinador, e preferiu dividir a culpa dos resultados ruins com os seus companheiros.

"Nesse começo de temporada eu coloco um pouco de culpa em nós jogadores. Falta um pouco de nós, e a gente sabe disso. O Tiago está passando tudo aquilo que ele entende, busca informações, é um cara que se esforça muito. É um cara que trabalha e cobra bastante, todo mundo vê isso, mas está faltando um pouco de nós nesse momento para as coisas darem certo", avaliou.

Pedro Henrique, que trabalhou com o treinador no ano passado quando esteve emprestado ao Athletico-PR, falou sobre a dificuldade de implementar mudar um estilo de jogo que já estava consolidado no clube há anos.

"(O Tiago) é um cara que cobra bastante, mas não está dando um pouco certo neste começo porque a gente vem de 10 anos jogando de uma forma, então para mudar uma forma do Corinthians jogar em tão pouco tempo é difícil. A gente está criando as oportunidades, mas infelizmente não estamos matando os jogos. Creio que é nessas coisas que a gente vem pecando"

A paralisação no futebol por conta da pandemia pode servir para o Corinthians dar a volta por cima e encontrar o bom futebol. Ainda não há data definida para o retorno das atividades, mas Pedro Henrique revelou que a diretoria corintiana já estipulou data para o elenco voltar.

"A gente foi avisado que a partir do dia 1º (de maio) é para a gente se apresentar. Mas a gente não sabe, porque toda hora muda a data (da quarentena), e a gente não sabe se vai passar por cima do governador, se vai voltar. A gente conversa diariamente até para saber o posicionamento dos diretores, através do Cássio e do Love, mas a gente está esperando para ver como volta", disse o zagueiro.

Até a paralisação, os resultados do Corinthians preocupam a torcida. O Timão acabou eliminado pelo Guaraní, do Paraguai, ainda na fase preliminar da Libertadores, e ocupa a terceira colocação do Grupo D do Campeonato Paulista, com apenas 11 pontos e correndo risco até de rebaixamento.

Gazeta Esportiva Gazeta Esportiva
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade