0

Ney Franco se esquiva de erro tático e culpa falhas dos jogadores

4 jul 2013
01h10
atualizado às 09h04
  • separator
  • 0
  • comentários

Se antes da pausa para a Copa das Confederações, o ambiente no São Paulo já estava ruim, agora a pressão só aumentou para Ney Franco. A torcida chegou a pedir o técnico Muricy Ramalho, após a derrota por 2 a 1 para o Corinthians, nesta quarta-feira, pela Recopa Sul-Americana. Porém, depois da partida, ele se esquivou da culpa por qualquer erro tático e disse que a derrota veio por causa de falhas técnicas dos jogadores.

<p>Após derrota, Ney Franco ouviu torcedores do São Paulo cantarem o nome de Muricy Ramalho</p>
Após derrota, Ney Franco ouviu torcedores do São Paulo cantarem o nome de Muricy Ramalho
Foto: Bruno Santos / Terra
"Eu não erro passes", diz Ney Franco após críticas

Questionado se o problema do time foi a escalação de Ganso, que jogou mal no primeiro tempo e saiu substituído por Aloísio, Ney Franco negou: "é muito fácil, em determinado jogo, botar a culpa só no plano tático. Mas agora erramos na parte técnica. Tem que avaliar isso e basta ver o 'scout'. Não adianta botar três zagueiros ou três atacantes se a parte ténica estiver abaixo".

Ney também negou que as mudanças frequentes no time estejam atrapalhando o padrão e a sequência de alguns jogadores: "a gente está usando todas alternativas de jogadores e às vezes dá a ideia que vamos acertar, mas a equipe dá um passo para trás, como hoje (quarta-feira), que o time errou tecnicamente", insistiu.

Depois, Ney Franco chegou a especificar quais foram as falhas dos seus jogadores: "tivemos muitos erros de passe e na saída de bola. Melhoramos no 2º tempo, mas fomos infelizes no ataque e tudo podia acontecer. Infelizmente aconteceu para o Corinthians".

Por fim, para aliviar as críticas, o técnico ainda elogiou o elenco que tem nas mãos: "nossa equipe é muito boa tecnicamente, mas tem dia que não funciona. Já contra o Grêmio deu certo, basta ver os 'scouts'", afirmou, citando de novo as estatísticas da partida, que terminou 1 a 1 pelo Campeonato Brasileiro.

Fonte: Terra
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade