1 evento ao vivo

Gustavo comenta 'Lei do ex-rival' e Janderson comemora volta por cima

4 dez 2019
22h01
atualizado em 5/12/2019 às 10h07
  • separator
  • 0
  • comentários

Gustavo chamou atenção do país em 2018 com seus gols pelo Fortaleza, arquirrival do Ceará. Na noite dessa quarta-feira, o centroavante perdeu a vaga entre os titulares, mas entrou no segundo tempo e deu a vitória ao Corinthians em cima do Vozão, no Castelão, palco que se habituou a estufar as redes.

"Fico feliz pelo jogo de hoje. Ano passado tive umas oportunidades de marcar contra o Ceará, e hoje de novo. Agradeço ao professor Coelho pela oportunidade", comentou o camisa 19, ao Premiere.

Agora, o Timão encara o Fluminense na Arena Corinthians pela última rodada do Campeonato Brasileiro. A vaga na pré-Libertadores está garantida, mas Gustavo quer mais.

"Ainda não acabou. O Brasileiro ainda tem um jogo importante, não sei como ficou, Graças a Deus estamos na Libertadores, mas, se tiver chance de entrar direto, vamos brigar".

Janderson

Depois de marcar um gol, mas cometer o pênalti que culminou com a derrota corintiana para o Atlético-MG, Janderson foi mantido entre os titulares e teve uma atuação bastante elogiada por todos.

Após o apito final, o jovem de 20 anos falou sobre a reação em tão pouco tempo.

"Depois daquele lance fiquei muito triste, mas cheguei no intervalo e meus companheiros me ajudaram, Coelho me colocou para cima, Andrés, todo mundo. Graças a eles e ao meu foco, trabalhei na semana e pude fazer belas jogadas hoje, até a do escanteio (que resultou no gol de Gustavo), mas o importante é a vitória e essa vaga na Libertadores", concluiu, ao Premiere.

Gazeta Esportiva Gazeta Esportiva
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade