PUBLICIDADE
Logo do

Corinthians

Meu time

Duelo contra o Inter vira divisor de águas para o Corinthians

24 out 2021 07h17
| atualizado às 07h17
ver comentários
Publicidade

Corinthians e Internacional vão se enfrentar neste domingo, às 16 horas, no Beira-Rio.

A partida é fundamental para as pretensões de ambas as equipes neste Campeonato Brasileiro. A pressão e a cobrança por uma vitória também.

Alvinegros e colorados estão separados pelo saldo de gols, o segundo critério de desempate da competição.

No Timão, o confronto pela 28ª rodada é tão crucial para o clube quanto para Sylvinho.

Mesmo que o presidente Duilio Monteiro Alves não demita o técnico, como disse à Gazeta Esportiva, em caso de derrota, o clima, inevitavelmente, ficaria complicado.

As torcidas organizadas planejam protestos já em Porto Alegre, se o Corinthians não se sair bem dentro de campo.

Nas redes sociais, onde Sylvinho nunca gozou de prestígio, há poucas dúvidas de que o treinador seria um dos assuntos mais comentados.

Dentro do Parque São Jorge, àqueles principalmente ligados à oposição, também prometem se posicionar com mais veemência se a situação não melhorar.

Internamente, todos estão conscientes do momento e de tudo que envolve a partida contra o Internacional. Inclusive, todo um trabalho tem sido feito desde a derrota para o São Paulo no intuito de blindar atletas e comissão técnica, por receio de que toda a pressão externa possa atrapalhar.

Uma vitória faria o Corinthians ultrapassar o Inter na tabela, com possibilidade de também superar o Red Bull Bragantino, que receberá o São Paulo, e, principalmente, dar um pouco paz para Sylvinho seguir o trabalho, com todos do departamento de futebol mais tranquilos.

A rodada seguinte será contra a lanterna Chapecoense, dentro da Neo Química Arena, no primeiro jogo com 100% da capacidade do estádio liberada para os torcedores.

Esse é o cenário, uma espécie "céu ou inferno" para o Corinthians, com destaque para Sylvinho.

Antes da bola rolar, pode-se olhar para um "copo meio cheio" ou para um copo "meio vazio". Após o confronto, a avaliação dificilmente permitirá muitas interpretações.

Gazeta Esportiva Gazeta Esportiva
Publicidade
Publicidade