0

Davó explica apelido e minimiza polêmica com apresentação feita pelo Corinthians

Jogador de 20 anos assinou contrato por quatro temporadas e está com o restante do elenco nos Estados Unidos

13 jan 2020
16h07
  • separator
  • 0
  • comentários

O Corinthians apresentou nesta segunda-feira, em Orlando, nos Estados Unidos, o atacante Matheus Davó, de 20 anos. O jogador disputou a Série B pelo Guarani na temporada passada e havia encaminhado o acerto com o clube alvinegro no final de 2019. Por causa da documentação, assinou por quatro temporadas somente agora em janeiro - o anúncio do acerto foi feito no domingo.

Ele chega como uma opção para o ataque. Em sua primeira entrevista coletiva no novo clube, o garoto explicou o apelido e minimizou a polêmica nas redes sociais por causa do anúncio da sua contratação.

No Twitter, uma imagem aérea do Parque São Jorge com o som da tradicional sirene alvinegra, usada para anunciar a chegada de grandes estrelas, antecedeu em alguns minutos a notícia. Quando o nome de Davó foi confirmado, os torcedores ficaram revoltados. O garoto minimizou a polêmica.

"Meus pais me ajudam muito nesse momento, sei que sou muito novo e tenho muito o que provar ainda. Num time como o Corinthians tem que provar mesmo. O torcedor pode esperar muita raça, vou dar a volta por cima novamente", comentou..

Incorporado quase que como um sobrenome, Davó na verdade é um apelido, com uma história curiosa. "Foi porque eu ficava com a minha avó durante a semana, meus pais trabalhavam. Ela que me levava para os treinos e para a escola. Como tinham muitos Matheus, foi o que diferenciou, Matheus Davó. Quando eu cheguei na primeira escolinha, não sabia o meu sobrenome, os caras perguntaram qual era e eu falei "Davó". Aí pegou, ficou Davó para toda a vida", disse.

Davó começou na base da Portuguesa com o técnico Marcio Zanardi, que já passou pela base do Corinthians. Zanardi assumiu o Guarani no ano passado e levou o garoto. "Ele foi e me levou junto. Fiz aquela Copinha, foi quando o Corinthians me viu."

Depois de atuar na Copa São Paulo de Futebol Júnior, Davó fez 30 jogos no time principal e marcou três gols. O Corinthians não revelou quanto pagou pelo atleta. O jogador já estava treinando com a equipe desde a reapresentação do elenco, na última segunda-feira.

Estadão
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade