0

Com mais um gol de Ederson, Corinthians vence Mirassol e vai à final do Paulistão

2 ago 2020
18h13
atualizado às 20h34
  • separator
  • 0
  • comentários
  • separator

O Corinthians está na final do Campeonato Paulista pela quarta vez consecutiva! Neste domingo, Timão e Mirassol se enfrentaram na Arena de Itaquera, pela semifinal da competição estadual. E a equipe alvinegra saiu com a vitória pelo placar de 1 a 0, com mais um gol do volante Ederson.

O time comandado pelo técnico Tiago Nunes enfrentou uma forte marcação do Leão na primeira etapa e quase não ameaçou a meta adversária. Contudo, a expulsão do meia Juninho no segundo tempo e outro chute de fora da área do camisa garantiram a classificação para os donos da casa.

Agora, o Corinthians encara o vencedor do confronto entre Palmeiras e Ponte Preta, que duelam ainda neste domingo, às 19h (de Brasília), no Allianz Parque. Os dois jogos da decisão estão marcados para quarta-feira (5) e sábado (8).

O volante Ederson marcou o gol da vitória do Corinthians em mais um chute de longe

O jogo

Apesar de jogar em casa, o Corinthians viu o Mirassol criar o primeiro lance de perigo. Aos 13 minutos, Zé Roberto foi derrubado na intermediária e o árbitro marcou a falta. Juninho foi para a cobrança e mandou no ângulo, exigindo grande defesa de Cássio para evitar o gol dos visitantes.

Enfrentando uma boa marcação dos adversários na primeira metade da etapa inicial, o Timão só foi ameaçar a meta mirassolense aos 25 minutos. Carlos Augusto foi até a linha de fundo, fez o cruzamento rasteiro e achou Mateus Vital, que emendou a finalização de primeira para carimbar a trave.

Três minutos depois, Ederson recebeu dentro da área e tocou para Jô. O camisa 77 tentou completar de letra, mas não conseguiu alcançar. A bola ainda passeou pela pequena área antes de ser afastada pelo defesa do Leão. Com isso, o empate sem gols persistiu até a saída para o intervalo.

No segundo tempo, o Corinthians quase chegou ao primeiro gol em chute de Luan. Aos oito minutos, o camisa 7 dominou a bola após cobrança de falta de Ramiro e bateu rasteiro no canto direito do goleiro Kewin. No entanto, o arqueiro adversário caiu para fazer grande defesa.

A situação mudou aos 14 minutos. Depois de revisão do VAR, Juninho levou um cartão vermelho por pisão em Carlos Augusto e deixou o Mirassol com um jogador a menos. Assim, o técnico Tiago Nunes resolveu jogar o time para frente, colocando Janderson e Sidcley em campo.

Em vantagem numérica, o Timão enfim abriu o placar. Aos 26 minutos, Ederson recebeu de Fagner na intermediária, arriscou a finalização de longa distância e viu o goleiro Kewin aceitar. Foi o terceiro gol do volante nas três últimas partidas da equipe alvinegra.

O Corinthians ainda teve a chance de ampliar em duas oportunidades: aos 32 minutos, Luan cobrou escanteio fechado na primeira trave, Alison Silva desviou e mandou no travessão; e aos 35, Janderson chegou pela linha de fundo, chutou cruzado e obrigou Kewin se esticar para evitar o gol. Contudo, o 1 a 0 persistiu até o apito final.

FICHA TÉCNICA

CORINTHIANS 1 x 0 MIRASSOL

Local: Arena Corinthians, em São Paulo (SP)

Data: 2 de agosto de 2020, domingo

Horário: 16h (de Brasília)

Árbitro: Vinicius Gonçalves Dias Araujo

Assistentes: Danilo Ricardo Simon Manis e Neuza Ines Back

VAR: Raphael Claus

Cartões amarelos: Danilo Avelar, Gabriel (Corinthians); Wellington, Moraes (Mirassol)

Cartão vermelho: Juninho (Mirassol)

Gols: Ederson, aos 26 minutos do segundo tempo (Corinthians)

CORINTHIANS: Cássio; Fagner, Gil, Danilo Avelar e Carlos (Sidcley); Gabriel, Ederson (Camacho), Ramiro (Janderson) e Luan (Araos); Vital (Léo Natel) e Jô.

Técnico: Tiago Nunes

MIRASSOL: Kewin; Wellington, Reniê e Danilo Boza (Matheus Rocha); Daniel Borges, Alison (João Arthur), Du (Lucas Vital), Juninho e Moraes; Zé Roberto (Netto) e Bruno Mota (Kauan).

Técnico: Ricardo Catalá

Gazeta Esportiva Gazeta Esportiva
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade