PUBLICIDADE
Logo do

Corinthians

Meu time

Cauê volta à base com três gols e deixa boa impressão para novas chances pelo time principal

Centroavante marcou todos os gols corintianos nas vitória por 3 a 2 sobre o Cruzeiro, no último sábado (24), pelo Brasileirão Sub-20, e afirma: 'Sonhei muito com esse momento'

25 jul 2021 08h04
| atualizado às 08h28
ver comentários
Publicidade

A expectativa para ver o atacante Cauê no time profissional do Corinthians era grande, mas a falta de espaço na equipe de cima do Timão fez com que o jogador retornasse à base.

Cauê tem três jogos e três gols nesta edição do Brasileiro Sub-20 (Foto: Rodolfo Rodrigues/Cruzeiro)
Cauê tem três jogos e três gols nesta edição do Brasileiro Sub-20 (Foto: Rodolfo Rodrigues/Cruzeiro)
Foto: Lance!

Mas, o que seria um prolema, pode ser uma sobrevida para o jovem, de apenas 18 anos, no clube, já que logo em seu retorno ao time sub-20 corintiano o centroavante marcou os três gols do Alvinegro na vitória por 3 a 2 sobre o Cruzeiro, em Sete Lagoas, pela sétima rodada do Brasileirão da categoria.

Uma sensação única. Fiquei muito chateado por estar fora da equipe nos jogos diante do São Paulo e América-MG por conta de lesão, e retornar marcando o meu primeiro hat-trick é inexplicável. Sonhei muito com esse momento e quero desfrutar muito dele - disse o jogador.

Foi o terceiro jogo de Cauê após o retorno ao sub-20, ele já havia participado das derrotas para o Vasco e Atlético-MG.

Já convocado à Seleção Brasileira de base, os números do atacante corintiano nas categorias inferiores impressionam.

Em 2019, sua primeira temporada pelo Corinthians, foram 20 gols em 41 jogos, alternando entre sub-17 e sub-20, o que fez com que o Timão comprasse em definitivo o atleta, que pertencia ao Novorizontino.

No ano seguinte, apenas pelo sub-20, os números foram mais modestos: sete gols em 25 partidas.

Ainda assim, as suas boas atuações chamaram a atenção do ex-treinador do time profissional do Corinthians, Vagner Mancini, que o promoveu ao elenco profissional no início da atual temporada. No qual fez 14 jogos, sete como titular, e marcou dois gols. No total, foram 617 minutos.

Agora, o artilheiro do Timãozinho no Brasileirão Sub-20 precisará repetir a dose de boas atuações na base para chamar a atenção do novo técnico do time principal, Sylvinho, e voltar.

Lance!
Publicidade
Publicidade